Jets assustam, mas Patriots vencem em Foxborough

Tom Brady comandou a vitória com 3 TDs

Tom Brady comandou a vitória com 3 TDs

Não foi o melhor jogo do mundo por parte do New England Patriots, mas mesmo assim o time garantiu a quinta vitória na temporada 2014. Ao contrário do que muitos pensavam, o New York Jets vendeu caro a derrota no Thursday Night Football, o time teve até uma tentativa de field goal para vencer a partida no estouro no cronômetro. No final deu a lógica, os Patriots venceram por 27 a 25 o duelo da AFC East, realizado nesta quinta-feira (16). Destaque individual para o RB Shane Vereen, que soube muito bem aproveitar o primeiro jogo como titular absoluto na posição de RB: computou 114 jardas totais e recebeu dois touchdowns.

Foi um começo de jogo até de certo ponto bizarro em Foxborough: os Jets comandaram as ações, tiveram muito mais posse de bola, mas foi New England que terminou o primeiro quarto vencendo. Os Patriots abriram sete pontos de vantagem logo na primeira campanha do jogo, um drive relâmpago que terminou com uma linda conexão de 49 jardas de Brady para o RB Shane Vereen. E só. Os Jets dominaram todo o primeiro período, ficaram 12 dos 15 minuto com a bola, mas não entraram na end zone. Foram duas campanhas longas, mas atrapalhadas por faltas desnecessárias. O ótimo Nick Folk converteu os dois field goals até com certa facilidade.

A máxima seguiu no segundo período, com os Jets dominando o relógio, mas com problemas para finalizar campanhas. New York teve mais dois bons drives, que também terminaram apenas em field goals curtos. Erro fatal quando se enfrenta os Patriots, pois se você não aproveita as chances de touchdown, eles aproveitam. Brady comandou outra ótima campanha, em parceria principalmente com Vereen. O running back recebeu um passe curto de seu QB dentro da end zone, seu segundo TD da noite.  Os Patriots ainda chutaram um field goal no estouro do cronômetro, foram para os vestiários perdendo por 17 a 12.

Vereen recebeu dois passes para touchdown

Vereen recebeu dois passes para touchdown

New York voltou para o segundo tempo disposto a intensificar o que estava dando certo: o jogo corrido.  Chris Ivory estava em uma noite inspirada, o running back tinha muito sucesso correndo contra a 14º defesa contra jardas terrestres. Foi apoiado nele que os Jets tiveram a melhor campanha até então, que Ivory finalizou com um mergulho para dentro da end zone! Os Patriots tentaram devolver logo em seguida, mas a defesa de New York apareceu na hora certa para evitar o touchdown. O time da casa não anotou sete pontos, mas precisava de apenas três para retomar a ponta do placar. Foi exatamente o que aconteceu, com um field goal de 36 jardas do kicker Stephen Gostkowski.

Não era o jogo perfeito dos Patriots, mas é nessa hora que o quarterback fora de série aparece para fazer a diferença. Tom Brady precisou de sete passes para levar New England a mais um touchdown, com uma linda conexão de 19 jardas com o WR Danny Amendola.

Geno Smith recebeu a bola de volta com uma difícil missão: tirar uma diferença de oito pontos, com sete minutos no relógio, contra New England e fora de casa. Ele quase conseguiu. Liderou a melhor campanha dele no jogo,caminhou 86 jardas e lançou um lindo TD para o TE Jeff Cumberland. Entretanto, a tentativa de dois pontos foi ruim, o onside kick deu errado…  A bola voltou aos Pats faltando 2:36 para o fim do jogo. Tudo definido? Nada disso. A defesa dos Jets parou o ataque do time da casa, Smith recebeu a bola de volta com pouco mais de um minuto, para posicionar seu kicker a chutar o FG da vitória. New York utilizou mal o pouco tempo que tinha, mais mesmo assim Folk teve a chance de chutar um field goal de 58 jardas. A bola nem chegou perto do “Y”, foi bloqueada no meio do caminho. Vitória suada dos Patriots!

Os dois times voltam a campo no dia 26 de outubro, já com o Brasil no horário de verão. Os Patriots recebem o Chicago Bears em Foxborough, os Jets encaram outro rival da AFC East, o Buffalo Bills, no MetLife Stadium.

Comentários