Patriots atropelam os Bengals e derrubam último invicto da NFL

Brady computou 292 jardas e dois TDs

Brady computou 292 jardas e dois TDs

Existe uma máxima no esporte, que infelizmente muitos tendem a ignorar: nunca duvide dos gênios. Questionado após a terrível derrota na última segunda-feira, Tom Brady deu a volta por cima em grande estilo. O camisa 12 liderou a contundente vitória que restaurou a ordem em Foxborough, o New England Patriots atropelou o Cincinnati Bengals por 43 a 17 no Sunday Night Football deste domingo (5). Caiu o último invicto da NFL em 2014! Além de Brady, o jogo corrido dos Patriots foi destaque, computou 243 jardas terrestres em uma das melhores defesas da liga.

O time da casa entrou em campo com uma intensidade impressionante, as críticas feitas ao time certamente surtiram efeito no elenco. Tom Brady estava claramente alterado, com muita vontade de calar os que duvidam dele. Com direito a mergulho em uma quarta descida para uma jarda, o quarterback liderou uma fulminante campanha de abertura, finalizada com uma corrida de Stevan Ridley para touchdown.

Brady seguia quase perfeito, o QB fechou o primeiro quarto impecável: sete de oito passes completos, 114 jardas e um touchdown. Pontuação que veio na segunda campanha do time, nem parecia que a defesa dos Bengals era até então a melhor da NFL cedendo pontos. O rápido e eficiente drive de seis jogadas e menos de três minutos terminou com um passe do camisa 12 para o TE Timothy Wright dentro da end zone.

Incrível como nada funcionava pelos lados de Cincinnati, a forte defesa pouco produzia e o sétimo melhor ataque da liga sofria para conseguir um mísero first down! Fato que mudou no final do segundo quarto, finalmente o jogo corrido funcionou e o time teve alguma posse de bola. O time visitante administrou uma campanha longa, mas ficou apenas com os três pontos do field goal convertido por Mike Nugent. Única pontuação dos Bengals no primeiro tempo!

Melhor na partida, os Patriots controlaram o relógio e converteram mais dois field goals, colocando mais seis pontos no marcador. O segundo FG poderia muito bem ter sido um touchdown, em uma campanha gerada por um fumble forçado por Darrelle Revis. Brady teve uma ótima posição de campo, mas não conseguiu capitalizar o turnover em sete pontos no finalzinho da primeira etapa.

Gronkowski foi mais uma vez fundamental

Gronkowski foi mais uma vez fundamental

Cincinnati voltou forte no segundo tempo, em um minuto fez mais do que em toda a primeira etapa. Andy Dalton aproveitou a ótima posição de campo após o retorno de Adam Jones, precisou de apenas uma jogada para lançar seu primeiro TD na noite: um lindo passe longo para Mohamed Sanu.

Reação dos Bengals? Nada disso. Em pouco mais de um minuto, New England brecou uma possível reação com mais 14 pontos no placar.  Brady achou Rob Gronkowski totalmente livre, o tight end entrou na end zone e anotou o 45º TD na conexão com o camisa 12. Segunda parceria de QB – TE com mais touchdowns de todos os tempos! Os Patriots ampliaram a vantagem logo em seguida, Brandon Bowden forçou o fumble no retorno de kickoff e Kyle Arrington retornou por nove jardas. Contornos de massacre em Foxborough!

Cincinnati até diminuiu a vantagem dos Patriots, mas a reação não passou de um esboço. Dalton até tentou, lançou um TD de 17 jardas para AJ Green. Entretanto, a noite era do time da casa. Com autoridade, os Patriots controlaram o relógio e administraram a confortável vitória. Dominante, New England anotou mais  seis pontos, dois field goals convertidos por Stephen Gostkowski. Vitória maiúscula do time  da casa!

As duas equipes voltam a campo no próximo domingo (12): os Bengals recebem o Carolina Panthers, enquanto que os Patriots viajam até Buffalo para fazer o duelo da AFC East contra o Buffalo Bills.

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Comentários