Eagles dominam os Cowboys fora de casa e garantem liderança isolada da NFC East

McCoy destruiu a defesa de Dallas

McCoy destruiu a defesa de Dallas

Como o Philadelphia Eagles joga bem na rodada de Thanksgiving. O time segue invicto no dia de Ação de Graças, venceu a sexta partida atuando no feriado americano. A vítima da vez foi o Dallas Cowboys, o triunfo por 33 a 10 no AT&T Stadium garantiu a Philadelphia a liderança isolada da NFC East. Quem ligou a televisão na noite desta quinta-feira (27) esperando um show de DeMarco Murray, viu outro RB brilhar: LeSean McCoy. O camisa 25 foi o nome do jogo, correu 159 jardas e anotou um touchdown. Mark Sanchez também foi bem, se redimiu da pavorosa atuação do “buttfumble” a exatos dois anos atrás.

O terceiro melhor ataque da NFL começou arrasador no AT&T Stadium, um domínio impressionante das Águias no primeiro período de jogo. Mark Sanchez lembrou os melhores tempos de quando defendia os Jets, foi quase perfeito: acertou 9 de 11 passes tentados, anotou um touchdown corrido e lançou um lindo passe para TD na conexão de 27 jardas com o WR calouro Jordan Matthews. Philadelphia também fazia um bom trabalho parando os avanços do fantástico DeMarco Murray, foram apenas 22 jardas no primeiro período.

Aos poucos o ataque de Dallas foi se encontrando, Tony Romo foi castigando a terceira pior defesa contra o passe. O quarterback posicionou seu time na beira da end zone,  Murray diminuiu a vantagem das Águias em um avanço de duas jardas.  Philadelphia respondeu logo em seguida. Uma campanha de oito jogadas e 67 jardas, que resultou em um field goal de 31 jardas convertido por Cody Parkey.

Philadelphia dominou no primeiro tempo em jardas, mas sofria quando entrava na red zone adversária (últimas 20 jardas do campo de ataque). O time bateu na porta da end zone em outras duas oportunidades, mas não anotou touchdowns.  Parkey converteu os dois field goals com muita facilidade, o último deles em campanha que surgiu a partir de um fumble de Dallas no fim do primeiro tempo. Os Eagles chegaram a 12 fumbles recuperados, maior marca da NFL ao lado de Houston. O time visitante foi para o intervalo perdendo por 23 a 7.

Tony Romo sofreu com o pass-rush dos Eagles

Tony Romo sofreu com o pass-rush dos Eagles

Foi a vez de Dallas recuperar um fumble no começo do segundo tempo, ter a bola muito próxima da end zone, mas não anotar touchdown. O DE Tyrone Crawford tirou a bola das mãos de LeSean McCoy, mas a roubada de bola resultou apenas em três pontos de um field goal curto. “Shady” McCoy se redimiu na campanha seguinte, ampliou a vantagem dos visitantes com um lindo touchdown de 38 jardas. Lembrando que Dallas possui a 13º melhor defesa contra o jogo terrestre.

Tony Romo não estava em um bom dia, sofria com o pass-rush dos Eagles (sofreu quatro sacks ao longo do jogo). O QB dos Cowboys lançou a primeira interceptação da noite, nas mãos do cornerback Cary Williams. Philadelphia teve a bola no final do terceiro período, foi muito competente gastando o tempo do relógio. Parkey converteu mais dois field goals curtos no último quarto, matando o confronto no Texas. Nate Allen voltou a interceptar Romo nos minutos finais, sacramentando a importante vitória fora de casa!

Dallas volta a campo já na próxima quinta-feira (04),  Thursday Night Football em casa contra o Chicago Bears. Os Eagles jogam três dias depois (7), recebem o Seattle Seahawks no Lincoln Financial Field.

Comentários