Em duelo de defesas, Broncos batem os Ravens em Denver

Quem disse que um bom jogo de futebol americano é apenas aquele com um caminhão de pontos? O ótimo duelo entre Baltimore Ravens e Denver Broncos foi marcado por duas fortes defesas, tanto no pass-rush como na cobertura do passe. Para se ter uma ideia, o embate teve apenas dois touchdowns, ambos marcados pelas defesas! Quem levou a melhor foi os Broncos, venceram por 19 a 13 a partida disputada no Sports Authority Field at Mile High na tarde deste domingo (13).

Manning não foi perfeito, mas liderou o time a primeira vitória em 2015

Manning não foi perfeito, mas liderou o time a primeira vitória em 2015

Já era esperado um duelo de poucos pontos pela qualidade das defesas, mas o que se viu no primeiro tempo foi algo absurdo. Nenhum dos dois times conseguiu entrar na red zone adversária! (últimas 20 jardas do campo). Os quarterbacks tinham extrema dificuldade em ficar em pé para realizar as jogadas, estamos falando de dois dos melhores pass-rushs da liga atualmente (Baltimore 49 e Denver 41 sacks ano passado). Longe de ser brilhante, o QB Peyton Manning conseguiu algumas boas jogadas, o suficiente para posicionar seu kicker para dois chutes longos. Brandon McManus colocou dentro do ‘Y’ as tentativas de 56 e 57 jardas, colocando uma vantagem de 6 a 0 no placar no final do primeiro período.

A primeira campanha razoável dos Ravens veio no meio do segundo quarto, o time precisou de quatro minutos para avançar 31 jardas e abrir o placar com um field goal de 52 jardas convertido por Justin Tucker. O ataque visitante foi praticamente nulo no primeiro tempo, apenas 38 jardas totais! Pelo menos a defesa não deixava Manning jogar, o veterano fechou a primeira etapa posicionando seu kicker para um field goal de 47 jardas poucos segundos antes do intervalo.

Joe Flacco foi muito mal

Joe Flacco foi muito mal

O Denver Broncos foi praticamente imbatível nos últimos anos atuando em casa, mas todo aquele poderio ofensivo das últimas temporadas praticamente não existiu. Muito por conta do fantástico trabalho da defesa visitante, eficaz em todos os aspectos. Além de parar totalmente o camisa 18, o grupo defensivo ainda anotava pontos. O CB Jimmy Smith interceptou Manning na primeira campanha depois do intervalo e retornou para a end zone. Minutos depois, Tucker converteu um field goal de 44 jardas, aumentando a vantagem dos visitantes.

Em um jogo onde as defesas eram as protagonistas, nada mais justo que elas anotassem os touchdowns de suas respectivas equipes. Após Baltimore anotar um TD em retorno de interceptação, foi a vez dos Broncos fazer o mesmo. O CB Aqib Talib interceptou Joe Flacco, que não vinha em um bom dia, e retornou 51 jardas para a end zone, colocando o time da casa na frente do marcador no final do terceiro quarto.

Longe de ser perfeito, o ataque dos Broncos pelo menos teve muito sucesso controlando o relógio no último período, administrou muito bem a posse de bola para deixar o ataque dos Ravens fora de campo. Variando passes curtos e corridas, o time da casa teve uma incrível campanha de 11 minutos e converteu um field goal de 33 jardas, colocando a diferença em seis pontos com três minutos para o término na partida.

Tudo que Flacco não fez o jogo inteiro resolveu fazer na campanha final, foi aos trancos e barrancos comandando um emocionante drive final em busca do TD que daria a vitória. O WR veterano Steve Smith até teve a chance de receber o touchdown, mas ele não agarrou. Na jogada seguinte, o CB Darian Stewart interceptou Flacco dentro da end zone e sacramentou a vitória dos Broncos.

Os Broncos voltam a campo já na próxima quinta-feira (17), no difícil Thursday Night Football contra os Chiefs em Kansas city. Os Ravens jogam no próximo domingo (20), encaram os Raiders em Oakland às 17h (horário de Brasília).

Comentários