Em duelo dramático, Broncos vencem os Patriots e vão para o Super Bowl 50

Foi de tirar o fôlego. Foi dramático. Emocionante. O provável último duelo entre Manning vs Brady teve requintes de crueldade para quem acompanha a NFL. A partida no Sports Authority Field at Mile High só foi decida na conversão de dois pontos nos segundo finais, após o QB do New England Patriots salvar a tarde com um brilhante touchdown. No entanto, não conseguiu voltar com a bola para a endzone, e o Denver Broncos saiu vencedor por 20 a 18, carimbando seu passaporte para o Super Bowl 50.

Manning virou o duelo contra Brady em playoffs e fará seu quarto Super Bowl

Manning virou o duelo contra Brady em playoffs e fará seu quarto Super Bowl

No duelo entre Brady vs Manning, que se destacaram correndo com a bola, Von Miller liderou a defesa dos Broncos em uma brilhante tarde no Colorado. Muita pressão o tempo todo, conseguindo 2,5 sacks, uma interceptação e passando por cima da linha ofensiva. O camisa 12 dos Patriots terminou o jogo com 27/56 para 310 jardas, um touchdown e duas interceptações. Já Manning saiu de campo com 17/32 para  176 jardas e dois touchdowns, ambos para o TE Owen Daniels.

Agora é o Super Bowl! A grande decisão será no dia 07 de fevereiro, o domingo de carnaval, contra Cardinals ou Panthers, que jogam mais tarde. A partida será no Levi’s Stadium, casa do San Francisco 49ers. O representante da AFC será o Denver Broncos.

Domínio de Denver

Owen Daniels recebeu dois TDs no primeiro tempo

Owen Daniels recebeu dois TDs no primeiro tempo

Diferente da normalidade, os Patriots ganharam na moedinha e escolheram receber a bola ao invés de chutar. Se o Belichick tentou reverter rapidamente derrubar a torcida, não conseguiu, porque seu time avançou pouco em campo e viu Peyton Manning lançar 60 jardas totais na primeira campanha dos Broncos, que só terminou na endzone, em conexão com Owen Daniels, abrindo o placar no Sports Authority Field at Mile High.

Depois dos times trocarem punts, a posse voltou para os Broncos, mas por pouco tempo. Manning tentou um passe curto para C.J. Anderson, mas o passe foi para trás e o RB não segurou a bola. A arbitragem marcou passe incompleto, mas Belichick desafiou e ganhou. Ai New England não perdoou e o TD veio em corrida de uma jarda de Stephen Jackson, mas os Broncos seguiram na frente do placar, porque Stephen Gostkowski errou seu primeiro extra point da temporada.

Quando New England parecia que iria equilibrar o jogo, Brady lançou uma interceptação nas mãos de Von Miller. Manning conectou seu segundo passe para touchdown com Owen Daniels logo na sequência e abriu 14 a 06 para os Broncos. Ainda antes do intervalo, Gostkowski acertou um FG de 46 jardas, Brady foi interceptado novamente e Brandon McManus mandou um field goal de 52 jardas, colocando o placar no intervalo em 17 a 09.

Pressão o tempo todo

Von Miller aterrorizou

Von Miller aterrorizou a OL de New England

A primeira campanha de Denver no segundo tempo acabou em três jogadas. Mais ligado, os Pats deixaram o placar em 17 a 12 logo na sequência, em chute de 38 jardas. A reação parecia que aconteceria, mas quando Brady recebeu a bola novamente, Von Miller conseguiu um sack e acabou com a campanha que poderia ser a da virada. A defesa seguiu controlando as ações, com Jamie Collins respondendo o sack para New England, deixando a decisão para o último período.

O grande destaque da defesa de Denver para manter New England com apenas 12 pontos era Von Miller. O linebacker estava aterrorizando a linha ofensiva adversária e pressionando Tom Brady a cada snap, deixando o ataque dos Broncos em campo por muito tempo. Na primeira posse do último período, os donos da casa tiveram a primeira grande corrida do jogo com por um RB com CJ Anderson, mas foram três chances para o touchdown não convertidas, e McManus entrou em campo para acertar um FG de 31 jardas e fazer 20 a 12.

Sem muitas chances, Brady contou com uma falta em Edelman para avançar no campo e buscar a virada. A campanha que seria a do empate chegou até a redzone, mas parou em uma quarta descida que a defesa dos Broncos evitou brilhantemente, deixando o relógio em 5:56. A defesa de New England deu mais uma chance para o seu ataque. Com passes rápidos e uma grande conexão com Gronkowski, os Pats voltaram para o campo de ataque rapidamente. Mais uma chance, novo desperdício.

O ataque dos Broncos vacilou e deu aos Pats nova chance. Brady precisava de 50 jardas para o touchdown mais a conversão de dois pontos para empatar, com 1:40 no relógio. A fórmula para isso: chama o Gronk. Foi dele a recepção de 40 jardas em passe perfeito e foi dele também o TD, deixando os Patriots apenas dois pontos atrás. Se o Gostkowski não tivesse errado o ponto extra, era só acertar mais um. Como não conseguiu, o time tentou a conversão de dois pontos, mas não obteve sucesso. A defesa do time da casa cresceu mais uma vez e segurou a vitória por 20 a 18.

O encontro das duas lendas após o jogo

O encontro das duas lendas após o jogo

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Comentários