Quais times podem ser o “Cavaliers da NFL” e vencer o seu 1º Super Bowl em 2016

Após 58 anos de espera o Cleveland Cavaliers finalmente venceu o título da NBA. O time liderado pelo monstro LeBron James derrotou com Golden State Warriors na grande final e acabou com o incômodo jejum. Será que teremos também na NFL um campeão inédito em 2016?

EAST RUTHERFORD, NJ - FEBRUARY 02: Head coach Pete Carroll of the Seattle Seahawks holds the Vince Lombardi Trophy after his team won Super Bowl XLVIII at MetLife Stadium on February 2, 2014 in East Rutherford, New Jersey. The Seahawks beat the Broncos 43-8. (Photo by Elsa/Getty Images)

Treze das 32 equipes nunca conquistaram um Super Bowl: Minnesota Vikings, Buffalo Bills, Philadelphia Eagles, Cincinnati Bengals, Carolina Panthers, San Diego Chargers, Atlanta Falcons, Tennessee Titans, Arizona Cardinals, Cleveland Browns, Detroit Lions, Jacksonville Jaguars e Houston Texans.

De todas essas, as quatro últimas sequer chegaram a alguma final. Quais dessas franquias podem levantar o Vince Lombardi pela primeira vez nesta temporada? Vamos ver:

1- Carolina Panthers

panthers grandeNada mais lógico colocar em primeiro lugar o time que chegou a grande final com méritos, que perdeu apenas um jogo na temporada regular e conta com o MVP de 2015. Sim, o Carolina Panthers vem muito forte em 2016. Os comandados de Ron Rivera devem vencer sua divisão, até com certa facilidade, e encaminhar mais um ano nos playoffs.

A saída do CB Josh Norman será sentida, mas a equipe tem elenco e um técnico muito bom para arrumar a casa e manter o domínio defensivo com Thomas Davis e Luke Kuechly pelo meio. Cam Newton deve repetir o bom nível de atuações que deu a ele o prêmio de melhor jogador da temporada – ainda mais com o retorno do WR Kelvin Benjamin. Mais maduro, esse time deve mais uma vez chegar longe em 2016.

2- Minnesota Vikings

vikings giants grandeHá algum tempo venho falando para ficar de olho nesse time dos Vikings. O jovem e talentoso elenco amadureceu demais nos últimos anos e chega pronto para fazer estragos em 2016. Mesmo inconsistente em alguns momentos do ano passado, a equipe poderia ter ido ainda mais longe se não fosse aquele chute bizarro do kicker Blair Walsh no duelo de Wild Card contra os Seahawks. Não se surpreenda com o Minnesota Vikings vencendo a NFC North pelo segundo ano consecutivo.

O time que já era muito bom teve sua base mantida e fez um bom trabalho nessa offseason. Minnesota reforçou a linha ofensiva com dois bons nomes no período free agency (Alex Boone e Andre Smith) e trouxe o futuro WR1 no Draft (Laquon Treadwell). Com um jogo corrido bem estabelecido e uma defesa jovem e talentosa já se fala em Super Bowl pelos lados de Minneapolis. O talento está lá, basta ver se os Vikings conseguirão subir mais uma prateleira em 2016.

3- Arizona Cardinals

cardinals niners capaQue sensacional seria Arizona Cardinals e Cleveland Cavaliers campeões no mesmo ano! A franquia Phoenix é uma das mais antigas da liga e venceu seu último campeonato apenas em 1947 – muito antes da era moderna dos Super Bowls. O time vem melhorando ano após ano em um belíssimo trabalho do técnico Bruce Arians e do general manager Steve Keim. A estratégia usada de ir montando sua base a partir de talentos do Draft e adicionando alguns veteranos de peso vem dando muito resultado.

Equilíbrio foi a palavra que melhor definiu esse time no ano passado: melhor ataque e quinta melhor defesa da temporada (em termos de jardas). Claro que a derrota acachapante na final da NFC não será esquecida tão cedo, mas a equipe tem tudo para fazer mais um bom ano e voltar à pós-temporada com força. Aquele pass-rusher que faltava veio na offseason (Chandler Jones) e David Johnson deve ter uma temporada espetacular… Agora Carson Palmer precisa repetir as boas atuações da temporada regular em um possível jogo de playoff – o que não aconteceu ano passado.

4- Houston Texans

J.J. Watt terá Tom Brady pela frente

Se levarmos em conta apenas a segunda metade da temporada 2015 o Houston Texans apareceria como a melhor defesa da NFL. JJ Watt e companhia ressuscitaram um time praticamente entregue, carregaram a equipe a sete vitórias nos últimos nove jogos e buscaram uma improvável vaga na pós-temporada. A falta de talento na posição de quarterback pesou no duelo de Wild Card. Não se vai a lugar nenhum na NFL sem um bom QB.

Pensando nisso, os Texans foram atrás de reviver um ataque muito muito fraco ao longo dos anos. Bons nomes chegaram. Agora resta saber se o bom técnico Bill O’Brien conseguirá transformá-los em um time. Houston trouxe, em teoria, o melhor QB do período free agency (Brock Osweiler) e um dos melhores RBs do mercado (Lamar Miller); além de utilizar as quatro primeiras escolhas no Draft em jogadores de ataque. Se os novos nomes se entenderem e a defesa manter o bom trabalho da segunda metade do ano anterior, os Texans podem chegar longe.

5- Cincinnati Bengals

cardinals bengals 3Poderia colocar nessa posição o renovado time dos Jaguars, ou o reformulado Philadelphia Eagles… Esses times estão no caminho certo para brilhar em um futuro próximo, mas em 2016 ainda creio ser um pouco cedo. Embora tenha o rótulo de ‘time do quase’, o Cincinnati Bengals, mesmo em uma divisão forte, esteve presente nos playoffs em seis dos últimos sete anos. Ganhar um jogo, bem… essa é outra história.

Nos Bengals desde 2003, Marvin Lewis entra em 1016 mais pressionado do que nunca para vencer na pós-temporada. O recorde de 0-7 do treinador é algo assustador. A vitória por pouco não veio ano passado: duas altas pessoais tiraram de Cincinnati o tão sonhado triunfo. Mesmo perdendo algumas peças importantes na offseason a base foi mantida. Mais um ano de esperança por lá. Andy Dalton volta de uma grave lesão pronto para liderar o time a voos mais altos… Será que é o nome certo para isso?

Comentários