Patriots perdem Garoppolo lesionado, mas vencem os Dolphins por 31 a 24

Garoppolo começou e Brissett terminou o jogo

Garoppolo começou e Brissett terminou o jogo

A torcida do New England Patriots tem motivos para se comemorar e se preocupar após o jogo contra o Miami Dolphins. A comemoração é devido a boa vitória sobre o rival de divisão por 31 a 24, a segunda do time na temporada, que lidera a AFC East mesmo sem Tom Brady entrar em campo. A preocupação se deve a lesão de Jimmy Garoppolo, que vinha sendo o melhor jogador do time na partida. Ele machucou o ombro após um tackle de Kiko Alonso e não voltou para a partida.

Garoppolo tinha 18 de 27 passes completados para 234 jardas e três touchdows – dois para Danny Amendola e um para Martellus Bennett, quando saiu de campo e deu lugar para Jacoby Brissett, que terminou o jogo. Do lado dos Dolphins, destaque para os wide receivers Jarvis Landry e DeVante Parker, que passaram das 100 jardas recebidas contra a defesa dos Patriots.

Garoppolo terá pouco tempo para se recuperar, pois o próximo jogo de New England é já na próxima quinta-feira, contra os Texans, em Foxborough. Já os Dolphins voltam a campo no domingo, quando recebem os Browns, às 14h.

AG e DG

Como vem sendo frequente na AFC East, os Patriots foram absolutos no primeiro tempo, com grande atuação de Garoppolo. Nas três primeiras campahas do time de New England, três touchdowns e apenas três passes incompletos do substituto de Tom Brady. Jimmy G. abriu o jogo com um TD para Amendola, na segunda campanha conectou o TE Martellus Bennett e logo no início do segundo quarto achou Amendola de novo para abrir 21 a 00.

Garoppolo deixou o jogo machucado

Garoppolo deixou o jogo machucado

Antes de Miami acordar para o jogo e anotar os primeiros pontos, que vieram em um field goal de Andrew Franks no fim do primeiro tempo, Stephen Gostkowski acertou um chute de 34 jardas no meio do “Y” para fazer 24 a 00. Com larga vantagem, o time de New England estava no campo de ataque quando Garoppolo saiu do pocket e foi acertado por Kiko Alonso, que caiu em cima do corpo do quarterback, com o peso todo no ombro. Ele não permaneceu em campo e foi vetado do jogo pelo departamento médico dos Pats. O placar foi 24 a 03 para os Patriots no intervalo.

A segunda etapa começou com um touchdown terrestre de LeGarrette Blount, que comandou a campanha com o QB Jacoby Brissett em campo. Parecia que o jogo estava definido para os Patriots, que comemorariam uma vitória com o terceiro quarterback, mas os Dolphins reagiram. Foram três touchdowns seguidos, sendo o primeiro deles ainda no terceiro quarto, em passe de 24 jardas para Kenny Stills.

No último quarto, perdendo por 31 a 10, os Dolphins foram com tudo para cima e foram diminuindo a vantagem dos Pats. Tannehill conectou TD com Jordan Cameron e depois Miami voltou a endzone com K. Drake, deixando o placar em 31 a 24. Precisando acordar, New England teve uma grande posse e a chance de matar o jogo faltando 01:08, mas Stephen Gostkowski errou um FG de 31 jardas e deu nova vida aos visitantes na última campanha. Precisando de 71 jardas para o TD, a caminhada de Miami foi até a linha de 29 jardas, quando Ryan Tannehill arriscou passe na endzone para o empate e acabou interceptado.

Todos os resultados da semana 2 da NFL:

New York Jets 37 @ 31 Buffalo Bills
San Francisco 49ers 27 @ 46 Carolina Panthers
Tennessee Titans 16 @ 15 Detroit Lions
Miami Dolphins 24 @ 31 New England Patriots
Baltimore Ravens 25 @ 20 Cleveland Browns
Cincinnati Bengals 16 @ 24 Pittsburgh Steelers
Kansas City Chiefs 12 @ 19 Houston Texans
Dallas Cowboys 27 @ 23 Washington Redskins
New Orleans Saints 13 @ 16 New York Giants
Tampa Bay Buccaneers 7 @ 40 Arizona Cardinals
Seattle Seahawks 03 @ 09 Los Angeles Rams
Atlanta Falcons 35 @ 28 Oakland Raiders
Indianapolis Colts 20 @ 34 Denver Broncos
Jacksonville Jaguars 14 @ 38 San Diego Chargers
Green Bay Packers 14 @ 17 Minnesota Vikings

 

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Comentários