Big Ben lança cinco TDs em massacre dos Steelers para cima dos Chiefs

O técnico do Pittsburgh Steelers, Mike Tomlin, descreveu o desempenho do seu time no Sunday Night Football como um ‘domingo de redenção’. Bem, não existe melhor definição do que esta. O time entrou muito agressivo para apagar o atropelamento sofrido para os Eagles na última semana – e o Kansas City Chiefs pagou o preço, sendo derrotado por 43 a 14. Foi um domínio total e absoluto em todos os aspectos de um jogo de futebol americano, é impressionante a força dos Steelers com o trio Ben Roethlisberger, Antonio Brown e Le’Veon Bell saudáveis e em campo. Big Ben foi espetacular: 22 de 27 passes completados, 300 jardas e 5 TDs! Rating quase perfeito de 152,5. O pass-rush também apareceu e não deu qualquer chance ao ataque dos Chiefs. Vitória que coloca Pittsburgh no topo da AFC North e complica a vida de Kansas City na AFC West.

Os Chiefs estão de bye e não entram em campo na semana 5, já os Steelers recebem o New York Jets no próximo domingo (9), às 14h, no Heinz Field.

chiefs-steelers-grande

Big Ben passando o carro nos Chiefs

Apesar da chuva que castigava o Heinz Field, o molhado torcedor presente no estádio estava feliz da vida com um dos melhores primeiro tempos da história da franquia!Que atuação de Pittsburgh, o time realmente entrou com ‘sangue nos olhos’ para tentar apagar o atropelamento sofrido pelos Eagles há uma semana. Os Steelers foram taticamente perfeitos: o ataque explorou os buracos na secundária e a defesa agressiva não deu qualquer chance a Alex Smith e Companhia.

chiefs-steelers-2Os dois primeiros TDs do atropelamento vieram de turnovers dos Chiefs: um fumble de Spencer Ware e uma interceptação de Smith nas mãos do LB Jarvis Jones. Em ambas as oportunidades o brilhante Ben Roethlisberger capitalizou as roubadas de bola: uma linda conexão de 31 jardas com Darrius Heyward-Bey e um foguete para Antonio Brown dentro da end zone. Começo de uma das maiores surras da temporada! A conexão Big Ben-Brown voltou a funcionar mais uma vez no primeiro quarto: conexão de 38 jardas para TD do camisa 84! Os Chiefs terminaram o primeiro quarto por 22 a 0, segunda pior começo de partida da história da franquia.

Os Chiefs até ficaram um pouco mais com a bola no começo do segundo quarto, mas nada de pontos. O time até teve chance de pontuar com uma tentativa de field goal de 49 jardas do kicker Cairo Santos. Se chutar no gramado ruim do Heinz Field já é difícil, imagine na chuva torrencial que caía no momento do chute. O snap veio muito ruim, o holder se atrapalhou ao colocar a bola e Cairo escorregou na hora do chute. A bola foi muito para a direita, mas ainda chegou a bater na trave. Valeu a tentativa. A única pontuação antes do intervalo foi dos Steelers: Big Ben encontrou o TE Jesse James no canto direito da end zone e levou seu time para os vestiários vencendo por 29 a 0.

Le’Veon Bell garante atropelamento

chiefs-steelers-1Ben Roethligberger finalizou a primeira etapa com números assustadores: 14 passes completos de 17 tentados, 210 jardas e quatro TDs! Você imagina um QB com esse desempenho tirando o pé e administrando a vantagem no segundo tempo, mas não o camisa 7. Ben voltou a campo e lançou seu quinto passe para TD já no primeiro drive da segunda etapa: linda conexão de 31 jardas para encontrar Markus Wheaton totalmente sozinho na end zone! Que atropelamento no molhado Heinz Field!

Com a viola praticamente em caco, os Chiefs controlaram mais o relógio e foram para o tudo ou nada. O time bateu na porta da end zone no final do terceiro período, mas não teve sucesso na conversão da quarta descida. O TD para tirar o zero do placar veio no começo do último quarto: uma conexão de 10 jardas de Alex Smith para o calouro Tyreek Hill. Pittsburgh fechou a surra com mais um touchdown: campanha carregada por Le’Veon Bell finalizada com um avanço curto de DeAngelo Williams. O RB voltou muito bem: 144 jardas em 18 carregadas! A partir daí os Steelers já colocaram os reservas para jogar. Kansas City ainda buscou outro TD nos segundos finais, conexão de Smith com o TE Travis Kelce, mas nada que impedisse a dolorida derrota.

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Comentários