Arriba! Raiders batem os Texans no México e se isolam na AFC West

Após 11 anos de ausência a NFL voltou ao México! O torcedor presente no Estádio Azteca presenciou um bom jogo entre Oakland Raiders e Houston Texans no Monday Night Football desta segunda-feira (21). Não foi a melhor apresentação da história dos Raiders, mas o suficiente para bater o rival do Texas por 27 a 20 e garantir a oitava vitória em 2016! Mesmo com um jogo corrido inexistente, Oakland contou com a estrela do QB Derek Carr mais uma vez brilhar no último período e sacramentar o triunfo na Cidade do México. Para os Texans fica um gosto amargo após liderar em boa parte do duelo e mais ainda pela falta de coragem do treinador Bill O’Brien nos minutos finais.

Os Raiders se isolam na liderança da AFC West com 8-2, já Texans segue na ponta da AFC South com 6-4. As duas equipes voltam a campo no próximo domingo (27): Os Texans jogam contra os Chargers no NRG Stadium às 16h e os Raiders recebem os Panthers em Oakland às 19h05.

raiders-texans-grande

Equilíbrio na primeira etapa

Houston Texans vs Jacksonville Jaguars at EverBank FieldOs Texans dominaram boa parte do primeiro período: somente a primeira campanha da partida teve quase sete minutos de duração. Porém, a posse de bola não se transformou em touchdowns – muito pelo time ser um dos piores da NFL dentro da red zone. Brock Osweiller até acertou bons passes, mas o drive longo terminou em um field goal curto de Nick Novak. Oakland tinha bastante dificuldade contra a quarta melhor defesa em jardas da NFL, o ataque começou a se encontrar apenas no final do primeiro período. Derek Carr foi avançando o ataque em campo e lançou o primeiro touchown da noite na primeira jogada do segundo quarto: passe de 17 jardas para o RB calouro Jalen Richard.

Os Raiders tiveram a grande chance de abrir uma vantagem considerável logo em seguida: o calouro Tyler Ervin não agarrou o kickoff e a bola voltou para Oakland. Dessa vez Carr não capitalizou o primeiro turnover da partida, Sebastian Janikowski entrou em campo e converteu o tranquilo field goal de 19 jardas. Houston não se abateu com o erro e voltou com intensidade logo em seguida – o time teve quase cinco minutos de posse de bola até o RB Lamar Miller rasgar para a end zone em um avanço de 12 jardas. Osweiller ainda lançou uma interceptação nos minutos finais, mas Oakland não soube aproveitar a roubada de bola. O jogo na Cidade do México foi para o intervalo empatado em 10 a 10.

Carr brilha no fim e garante vitória

raiders-texans-2Derek Carr voltou dos vestiários meio fora de sintonia: lançou uma interceptação logo no primeiro snap da segunda etapa! Os Texans souberam trabalhar bem o relógio e capitalizar o turnover: Osweiller distribuiu bem a bola entre seus alvos e Miller mais uma vez finalizou o serviço com um TD terrestre. Segundo dele na partida! A partir dai o roteiro foi o mesmo para as duas equipes no final do terceiro período: campanha longa e field goal. Janikowski converteu um fácil chute de 20 jardas e Novak Respondeu colocando uma tentativa de 28 dentro do “Y”.

Oakland perdia por sete pontos a 10 minutos do fim da partida… hora de Derek Carr brilhar. O QB vem sendo espetacular vencendo partidas no fim – e no México não foi diferente. O que o quarterback fez foi absurdo: foram dois touchdowns em menos de cinco minutos: uma conexão de 75 jardas com o FB Jamize Olawale e um passe de 35 jardas na já famosa conexão com Amari Cooper. Espetacular! Ele completou cinco dos seis passes tentados e computou 186 jardas no período. Um monstro! Houston até tentou empatar no fim, mas a falta de coragem de Bill O’Brien em uma quarta para uma jarda custou a chance de vitória. O técnico escolheu ir para o punt e o ataque não teve mais a bola em mãos. Boa vitória dos Raiders no México!

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Comentários