Wild Card Round 2017: pré-jogo de Oakland Raiders x Houston Texans

O duelo que abre os playoffs 2017 da NFL é aquele com menor atrativo entre os quatro jogos do Wild Card Round. Poderia ser bem diferente, mas os desfalques cruciais de Houston Texans e Oakland Raiders deixaram o nível técnico do jogo um pouco abaixo do que todos os torcedores esperavam, principalmente quando o time da Califórnia perdeu Derek Carr, na partida da semana 16. Do lado do time da casa, a ausência mais sentida será de J.J. Watt, que jogou apenas três jogos nesta temporada.

Apesar de o nível técnico não ser o melhor, o jogo deve ser muito emocionante, ainda que com um equilíbrio por baixo. As defesas devem sobressair sobre os dois ataques, principalmente pelo fato de os dois quarterbacks titulares no jogo virem com suas primeiras experiências em playoffs.

Do lado dos Texans, Brock Osweiler volta ao time sob contestação e sem a confiança da torcida, que aplaudiu sua ida para o banco de reservas contra os Jaguars. O contrato milionário não o fez voltar ao time, mas sim a lesão de Tom Savage, que não passou pelo protocolo de concussão e está vetado. Do outro lado, além de ter perdido Carr, os Raiders não contarão com o reserva imediato, Matt McGloin. Com isso, Connor Cook será o titular e vai se tornar o primeiro QB a fazer sua estreia na NFL como titular em um jogo de playoffs.

Mesmo sem J.J. Watt, a defesa dos Texans conseguiu ser a melhor da NFL em jardas por jogo. O feito é ainda mais valorizado se olharmos os números jogando em casa, onde será o jogo deste sábado. Houston tem sete vitórias e apenas uma derrota jogando em seus domínios. Apesar do baixo número de jardas cedidas, não é um time que força muitos turnovers, feito que será crucial para vencer.

Sem seu principal jogador, candidato a ser MVP, os Raiders terão que fazer um jogo perfeito para vencer. Nisto entra o jogo terrestre funcionar e a defesa ser praticamente perfeita, dando tranquilidade para Connor Cook não arriscar muito. Em seu primeiro jogo na NFL, a pressão será inevitável. Para que ele possa encontrar Amari Cooper e Michael Crabtree, seus dois melhores alvos, estar a frente do placar e uma boa atuação defensiva serão cruciais.

Esta será a primeira vez que as equipes vão se enfrentar em uma partida de pós-temporada. No entanto, Raiders e Texans já se encontraram neste ano. No primeiro Monday Night Football fora dos Estados Unidos na história, Oakland venceu por 27 a 20, no Estádio Azteca, no México. No confronto direto, Houston leva vantagem por 6 a 4, mas com os rivais melhores no retrospecto recente: três triunfos nos últimos quatro encontros.

 

No saldo entre turnovers cometidos e turnovers recuperados, Houston aparece em 26º na Liga, com um saldo negativo de sete. Para não repetir o papelão do último Wild Card, quando perdeu de zero para os Chiefs, o time terá que controlar muito bem a bola e ceder o mínimo possível de turnovers.

Osweiler não poderá ter atuações tão ruins quanto as que o levaram para a reserva e precisará colocar seu melhor companheiro, DeAndre Hopkins, no jogo. A defesa dos Raiders não é tão forte, e o líder em jardas dos Texans poderá ser uma arma fundamental para o time da casa pontuar.

 

Connor Cook fará sua estreia como titular logo nos playoffs. Não era nem o que ele esperava, mas o quarterback terá que encarar de frente a oportunidade e ir bem. Para isso, o jogo terrestre com Latavius Murray, Jalen Richard e DeAndre Washington precisará funcionar muito bem e conseguir umas quatro ou cinco jardas por tentativa.

Outro ponto importante em Oakland é Khalil Mack. Dono de 11 sacks e cinco fumbles forçados, ele terá que botar muita pressão em Osweiler e fazer o quarterback sair do pocket para forçar os erros.

De acordo com as casas de apostas, os Texans entram em campo como favoritos. Consultando os odds de cada time no Oddsshark.com/br, uma aposta de R$ 10 em Houston volta R$ 16,80. A linha de apostas no handicap abriu em -1,5 pontos para os donos da casa, mas com as definições dos quarterbacks, ela subiu para 3,5 e está pagando 1.90 caso os Texans cumpram essa linha e vençam por quatro pontos ou mais.

BANNERNOVO

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Comentários