Garoppolo sai barato para os 49ers, mas está longe de ser o salvador da pátria

Às vésperas do início do Monday Night Football da semana 8, a troca envolvendo San Francisco 49ers e New England Patriots, que mandou o QB Jimmy Garoppolo da Costa Leste para a Costa Oeste agitou o mundo da NFL. Para ter um novo quarterback ainda nesta temporada e tentar evitar um ano 0-16, os Niners mandaram uma escolha de segunda rodada no NFL Draft 2018. Uma troca que tem pontos positivos e negativos.

Garoppolo agora é jogador dos Niners

Com um início de temporada de oito derrotas seguidas pela primeira vez na sua história, os 49ers parecem ter entrado em desespero ao ver que C. J. Beathard e Brian Hoyer, que já foi até cortado da franquia após o anúncio de Garoppolo, não poderão ajudar muito. Neste primeiro momento, o ex-Patriots não será titular, com Beathard sendo mantido na equipe principal, até por já conhecer o estilo do técnico Kyle Shannahan.

Apesar da empolgação dos torcedores dos Niners, não dá para confiar que JimmyG será o salvador da pátria em San Francisco, que passa por uma gigante reformulação no time e no comando técnico. O quarterback tem apenas dois jogos como titular na NFL e mostrou talento, mas em um time e uma situação completamente diferente do que terá pela frente neste novo desafio.

A troca acabou sendo melhor para San Francisco, “financeiramente” falando. No NFL Draft 2017, Garoppolo era um dos nomes mais especulados para troca e acabou inflacionando o mercado. New England queria manter o jogador como reserva de Tom Brady e fez jogo duro para possíveis trocas. No entanto, a alta pedida afastou possíveis interessados, como Chicago Bears e Cleveland Browns, que buscaram quarterbacks no Draft. Cinco meses depois, já com a temporada em andamento, os 49ers conseguiram a troca enviando apenas uma escolha de segunda rodada, fato que no mês de abril seria impensável pelo jogador.

Jimmy Garoppolo vai dar certo nos 49ers?

  • Sim (81%, 607 votos)
  • Não (19%, 147 votos)

Total de votos: 754

Carregando ... Carregando ...

Sem Jimmy Garoppolo, agora nos Niners, e Jacoby Brissett, que foi trocado para o Indianapolis Colts, os Patriots precisarão correr atrás de um quarterback reserva para Tom Brady, que é o único da posição no plantel atual. A confiança em Brady, que já virou a casa dos 40 anos, é grande, permitindo a New England trocar o jogador que mais aprendeu com o QB cinco vezes vencedor do Super Bowl. De folga na semana 9, serão duas semanas de trabalho para Bill Belichick e companhia escolherem quem chega.

Um dos nomes para entrar no lugar de Jimmy Garoppolo já foi citado neste texto. Brian Hoyer, agora sem time, foi jogador dos Patriots entre 2009 e 2011 e conhece melhor que qualquer outro disponível o estilo de jogo em New England.

Rivalo Apostas Esportivas

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Comentários