As melhores e as piores jogadas da semana 10 da NFL

Chegamos a semana 10 da temporada. Nessa rodada tivemos marca de mais de 10 anos sendo batida, time de especialistas sendo especialistas em passar vergonha e os atuais campeões botando suas manguinhas de fora e desfilando no gramado dos rivais! Veja agora as três melhores e as três piores jogadas da semana!

“MELHORES JOGADAS DA SEMANA”

Que a temporada do San Francisco 49ers é pífia não dá para negar. Por isso, quando vence tem que comemorar muito! Foram mais de 300 dias sem um grito de felicidade. Depois de dez derrotas consecutivas, mais uma se aproximava. Porém, o QB C.J. Beathard, em seu segundo jogo como titular, fez uma grande conexão com WR Marquise Goodwin pontuar na endzone do New York Giants pela primeira vez na temporada.

O WR recebeu o passe em uma terceira para oito e correu 84 jardas para saudar seus fãs nas arquibancadas do Levi’s Stadium! O jogo estava truncado e somente field goals tinham sido as formas de pontuação na partida. Goodwin assim como os 49ers faz uma temporada péssima! Todavia, essa jogada foi repleta de emoção para o atleta, que havia perdido o filho na madrugada, por causa de um parto prematuro da esposa. A franquia não tinha um TD acima das 60 jardas desde 2005.

No Sunday Night Football, dois rivais em momentos distintos. Um embalado pela série de vitórias, no caso o Patriots. E o Denver Broncos totalmente na derrocada e com eliminação iminente para os playoffs! Caracterizando isso, os Pats já venciam por 14 a 3 em poucos mais de seis minutos de partida.

E o ponto que deixou essa vantagem foi anotado pelo running back Dion Lewis. Após o punt do dos Broncos, o RB correu 103 jardas em direção a endzone do Mile High sem praticamente quebrar tackles. Uma corrida incessante e os bloqueadores de New England segurando tudo. A partir dali já se ouvia vaias dos torcedores da equipe de Denver nas arquibancadas. Foi o terceiro touchdown do atleta neste ano – o primeiro de retorno.

A linha ofensiva dos Seahawks não é as mil maravilhas, porém quando funciona um double: sai da frente! Assim definimos a partida do quarterback Russell Wilson com o TE Jimmy Graham, na vitória da equipe de Seattle por 22 a 16 fora de casa! sobre o Arizona Cardinals.

O QB, pouco antes de lançar um TD para Graham, fez o que parecia impossível. O camisa 3 simplesmente deu um show no quesito samba no pé para evitar ser sacado. A defesa dos Cardinals não impediu o a grande conexão para o WR Doug Baldwin avançar até quase a  linha de uma jarda do campo adversário. Espetacular! Wilson acabou o jogo com dois TD lançados e com 238 jardas conquistadas em 22 passes certos em 38. Mágico!

“PIORES JOGADAS DA SEMANA”

As más línguas dizem que os especialistas estão lá por estarem providos de alguma qualidade a mais. Será mesmo? O WR Isaiah McKenzie, do Denver Broncos, deu a entender que foi selecionado nesta temporada por não ter outro. Pela segunda vez no ano, o atleta teve um drop em um chute do punter rival e viu seu time tomar um TD em seguida.

O número 84 dos Broncos, que é calouro na liga, cometeu o primeiro erro contra os Chiefs numa mesma situação. Ele simplesmente furou a bola, e o erro custou a sua equipe tomar 7 a 0 em casa.

Meu Deus! assim podemos definir o duelo particular que o quarterback Dak Prescott do Dallas Cowboys não conseguiu vencer contra o defensive end do Atlanta Falcons.  Foram SEIS sacks! isso mesmo! a linha ofensiva foi engolida assim como seu QB na tentativa de fazer um jogo equilibrado.

Não teve jeito! Prescott até tentou, mas fez uma das piores partidas desde que começou a atuar com a camisa dos Cowboys na NFL! isso muito por conta do 99 de Atlanta que quase iguala o recorde de sete sacks num único jogo! mamãe…

Com a vitória do San Francisco 49ers, somente um time segue zerado na NFL! Adivinhem… Cleveland Browns. Não era difícil e muito menos não previsível por tamanha reformulação do time que também passa por diretoria e afins. Os Browns foram até Detroit enfrentar os Lions, no Ford Field, com mais de 60 mil pessoas, e não conseguiram segurar a pressão.

Mesmo abrindo 10 a 3 no primeiro quarto, os visitantes sofreram o empate ainda no primeiro tempo e, como sempre acontece com a equipe de Cleveland,  numa segunda para 10 jardas próximo ao meio campo, o TE Seth Devalve teve um fumble forçado pelo CB Nevin Lawson, que recuperou a bola para anotar também o touchdown da virada na vitória por 38 a 24 sobre o pior time da Liga!

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Comentários