Dupla Wilson e Graham funciona, e Seahawks derrotam os Cardinals

No confronto que abriu os trabalhos na semana 10 da temporada regular 2017 da NFL, o Seattle Seahawks foi até o deserto de Phoenix e derrotou o Arizona Cardinals por 22 a 16. A vitória foi crucial para a equipe, que deixou a responsabilidade toda com o Los Angeles Rams, que joga no domingo contra os Texans, em Los Angeles, na briga pela liderança da NFC West.

Russell Wilson teve mais uma grande noite e liderou o ataque dos Seahawks com 22/32 passes completados para 238 jardas e dois touchdowns, ambos para o TE Jimmy Graham em situações curtas para o TD. Nos últimos cinco jogos foram seis passes para touchdown de Graham, que mostra sua força na endzone para brigar com os defensores e ganhar no alto. O jogo terrestre de Seattle segue uma grande preocupação. Apesar de duas boas corridas longas, a média de jardas por carregada segue baixíssima.

Defesa dos Seahawks não deu sossego para Drew Stanton no TNF

A batalha no deserto foi dominada pelas defesas e bastante equilibrada no início. Os Seahawks pontuaram primeiro, com conexão de Wilson para Graham. A resposta dos Cardinals, dando esperança para sua torcida, veio também com o seu tight end. Jermaine Gresham recebeu passe curto de Drew Stanton e só parou na endzone. Ainda antes do intervalo, Seattle anotou oito pontos – dois field goals de Blair Walsh (33 e 43 jardas) e um safety após Kam Chancellor tacklear Adrian Peterson dentro da endzone: 15 a 7.

+ CONFIRA A TABELA COMPLETA DA TEMPORADA 2017

No segundo tempo, os visitantes continuaram melhor. Enquanto Arizona marcou apenas um FG de 43 jardas com o kicker Phil Dawson, os Seahawks praticamente mataram o jogo com mais um touchdown de Jimmy Graham. No fim, Andre Ellington ainda entrou na endzone para os Cardinals, deixando o placar em 22 a 16 e dando uma última esperança na tentativa de recuperação do onside kick, mas não deu certo.

Richard Sherman sentiu uma lesão no tendão de Aquiles

No entanto, nem tudo foram flores e alegrias para Seattle. No terceiro quarto do jogo, o CB Richard Sherman deixou a partida reclamando de um problema no tornozelo. Ainda na sideline, via leitura labial, deu pra ver o integrante da Legion of Boom dizendo que rompeu o tendão de Aquiles, um problema grave, que vai tirá-lo do restante da temporada. A lesão foi confirmada logo após o jogo pelo técnico Pete Carroll.

Na semana 11, os Seahawks fazem o Monday Night Football da rodada contra o Atlanta Falcons, em Seattle, no dia 20 de novembro. No dia anterior, às 16h, os Cardinals vão até o Texas para enfrentar os Texans.

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Comentários