You Like That! Cousins comanda virada heróica dos Redskins sobre os Seahawks

Com uma virada espetacular, em um dos estádios mais hostis da NFL, o Washington Redskins conseguiu uma vitória espetacular sobre o Seattle Seahawks por 17 a 14, no CenturyLink Field. Os donos da casa bem que armaram a festa no fim, após um primeiro tempo bastante apagado. No entanto, Kirk Cousins mandou dois passes sensacionais já no Two-Minute Warning e deixou Rob Kelley virar o jogo no fim, selando um triunfo que tem que ser muito valorizado por Washington.

Redskins conqusitaram uma vitória dramáatica em Seattle

O jogo demorou bastante a engrenar, principalmente para o ataque dos Seahawks. Em compensação, a defesa foi muito bem. Só no primeiro quarto foi um fumble recuperado, após erro do ataque, e um safety forçado em Kirk Cousins, sacado dentro da endzone. Nem mesmo uma interceptação de Russell Wilson acordou os Redskins. Só o segundo erro de field goal de Blair Walsh despertou o ataque adversário, que anotou o primeiro touchdown do jogo com Rob Kelley em corrida de uma jarda, deixando o jogo 7 a 2 no intervalo.

As defesas seguiram sobressaindo no segundo tempo. Do lado dos Seahawks, apenas um field goal de 29 jardas de Nick Rosas foi proporciado, deixando os Redskins com vantagem de 10 a 02. No último quarto, Seattle reagiu. Quando Russell Wilson acordou, o time progrediu em campo e conseguiu ir até a endzone duas vezes para virar o jogo: primeiro com o TE Luke Willson e depois com o WR Doug Baldwin, este último faltando 1:40 para o fim.

Com o placar em 14 a 10 para os Seahawks e a torcida fervendo o CenturyLink, muitos poderiam considerar fim de jogo, certo? Não foi o que pensou Kirk Cousins. Com dois passes praticamente perfeitos (31 jardas para  B.Quick e 38 para J.Doctson), deixou a bola na linha de uma jarda rapidamente. Ai Rob Kelley completou o milagre, fazendo 17 a 14 para Washington e silenciando o estádio, atônito pela virada. Russell Wilson tentou um milagre ainda maior com uma Hail Mary, mas não deu certo.

Seattle não terá muito tempo de se recuperar e descer a derrota, já que entra em campo no próximo Thursday Night Football, contra os Cardinals, no Arizona. Já os Redskins recebem os Vikings, no domingo, às 16h (de Brasília), em Washington.

Comentários