Três posições carentes dos 16 times da NFC antes da abertura do mercado

Com a data para abertura do mercado cada vez mais próxima, muitos times devem ir às compras e abrir os cofres para repor os talentos perdidos ou buscar aquela peça que falta para engrenar em 2018. Pensando nisso, preparamos um guia rápido com as posições carentes de todas as equipes da NFL! Veja quais devem ser as opções do seu time do coração a partir do dia 14 de março! Hoje é dia de falar na NFC:

NFC North

Detroit Lions (9-7)

Posições carentes: pass-rusher, defensive tackle e running back

Aquela derrota para os Bengals caiu feito um rojão em Detroit – tanto que o técnico acabou rodando. A defesa é bem atlética e rápida, mas precisa de jogadores incisivos que coloquem pressão no QB adversário e forcem lançamentos antecipados. uma missão e tanto para o recém-chegado Matt Patricia.

Chicago Bears (5-11)

Posições carentes: wide receiver, cornerback e pass-rusher

É quase um crime investir tantas fichas em um quarterback e não dar a ele alvos realmente bons para ele lançar. Eu sei que o time tem como prioridade o jogo corrido, mas um puro WR1 deve dar mais confiança e ajudar no crescimento de Trubisky em seu segundo ano na liga. Dinheiro não falta para os Bears fazerem estragos.

Green Bay Packers (7-9)

Posições carentes: Cornerback, tight end e guard

Ficou extremamente claro que Green Bay é um time bem mediano no geral e não é capaz de vencer muitos jogos sem a genialidade de Aaron Rodgers. A defesa não é ruim, mas precisa de bons talentos em todas as posições para ser próximo de top 10 e conseguir vencer alguns jogos que A-Rod desfalque o time. A chegada do GM Brian Gutekunst promete mudar um pouco a filosofia de ‘construir pelo Draft’. Espere um time mais agressivo no mercado este ano.

Minnesota Vikings (11-5)

Posições carentes: Quarterback (s), guard e defensive tackle

Acredite se quiser: os Vikings devem liberar os três quarterbacks do elenco! Isso é algo extremamente arriscado. A tendência é que dois QBs cheguem do mercado, um nome mais consistente e um backup, e mais um garoto do Draft. Embora a defesa seja maravilhosa, aquele atropelamento na final da NFC foi um alerta que o time precisa dar mais profundidade ao elenco e rotacionar mais as peças para manter o físico. A linha ofensiva deve ganhar bastante atenção.

NFC South

Atlanta Falcons (10-6)

Posições carentes: Defensive tackle, guard e tight end

As posições carentes nesse caso estão mais para aprimoramentos – não vejo nenhuma grande lacuna nesse time.  Talvez a única mais posição mais carente seja a de defensive tackle com a possível saída de Dontari Poe. Estamos falando do time que mais deu trabalho e que por muito pouco não venceu o campeão Philadelphia Eagles. Atlanta está no caminho certo e precisa apenas de alguns ajustes.

Carolina Panthers (11-5)

Posições carentes: wide receiver, defensive end e cornerback

Ficou extremamente claro ao longo do último ano que Cam Newton precisava de mais algumas armas para lançar. O time já tratou de trazer Torrey Smith via troca antes mesmo da abertura do mercado, mas ele saiu dos Eagles justamente por ter rendido menos do que o esperado. Um RB também pode chegar para o lugar de Jonathan Stewart.

New Orleans Saints (11-5)

Posições carentes: linebacker, tight end e wide receiver

Michael Thomas é um monstro, mas ficou bem claro ao longo do ano que Drew Brees sentiu a falta de Brandin Cooks – que foi para os Patriots. Certamente o time poderia trazer mais alvos para ajudar o camisa 9 nos últimos anos de carreira – caso ele realmente fique no time. Para a posição de TE, Jimmy Graham está livre no mercado e pode ‘voltar para casa’.

Tampa Bay Buccaneers (5-11)

Posições carentes: running back, left tackle e defensive end

Que temporada decepcionante dos Bucs! Aquele ataque top 5 não saiu do papel – muito pelo jogo corrido deficiente. A franquia finalmente se livrou de Doug Martin e precisa com urgência trazer sangue novo na posição para um ataque que já é bom. Um bom jogo corrido deixaria a defesa menos em campo.

NFC East

Dallas Cowboys (9-7)

Posições carentes: linha defensiva, linebacker e wide receiver

Por mais que a punição de Ezekiel Elliott tenha prejudicado DEMAIS a não classificação do time aos playoffs, a defesa poderia ter garantido alguns dos jogos se fosse mais competitiva – especialmente a secundária. Apesar de Jerry Jones não ter nenhum grande buraco no time, quase todas as posições precisam de alguma ajuda ou profundidade.

New York Giants (3-13)

Posições carentes: linha ofensiva, linebacker, running back

Eu ficaria extremamente surpreso se a lista de reforços dos Giants não estiver recheada de jogadores de linha ofensiva. Vale demais ficar ligado em quais setores a equipe vai se reforçar no mercado – podem dar dicas valiosas sobre o que NY está pensando em fazer com a segunda escolha geral.

Philadelphia Eagles (13-3)

Posições carentes: linebacker, defensive tackle e wide receiver

Se todos os machucados voltarem atuando próximo do que fizeram no ano passado, os Eagles ficam com pouquíssimas lacunas a serem preenchidas. Os atuais campeões devem basicamente repor as baixas do período free agency. Com a saída de Torrey Smith, um WR veterano deve chegar – mesmo com o salary cap apertado.

Washington Redskins (7-9)

Posições carentes: Defensive tackle, running back e cornerback

Nada de Kirk Cousins… Os Redskins já trataram de fazer uma troca com o Kansas City Chiefs e ir buscar o experiente Alex Smith! Agora o time precisa dar mais segurança ao novo jogador e reforçar bastante a secundária. Um running back dinâmico também precisa chegar.

NFC West

Arizona Cardinals (8-8)

Posições carentes: quarterback, linha ofensiva e secundária

Óbvio que um dos times mais envelhecidos da NFL precisa de sangue novo em praticamente todos os setores de um jogo de futebol americano. Agora, a aposentadoria de Carson Palmer faz da posição de QB a prioridade máxima – especialmente porque todos os quarterbacks do elenco não voltarão para 2018.

Los Angeles Rams (11-5)

Posições carentes: pass-ruher, tight end e center

Deixando claro aqui que não há nenhuma posição altamente deficiente nesse time – que só foi eliminado pela falta de experiência de seus jogadores e comissão técnica. Um bom e jovem TE poderia agregar ainda mais ao melhor ataque da NFL. A renovada secundária promete demais com Marcus Peters, Aqib Talib e Sam Shields.

San Francisco 49ers (6-10)

Posições carentes: linha ofensiva, wide receiver e linebacker

A chegada de Jimmy Garoppolo é mais um exemplo gritante de como o desempenho de um time depende de um bom quarterback. É assustador! San Francisco é outro time com ‘Jimmie G’ em campo, agora é preciso dar todo suporte para ele brilhar. A chegada de Richard Sherman promete dar mais estabilidade na secundária.

Seattle Seahawks (9-7)

Posições carentes: linha ofensiva, linha ofensiva, running back e cornerback

‘linha ofensiva’ está dobrado de propósito! Foi assustador o que o time fez na última offseason quase que ignorando o setor… Isso NÃO pode se repetir. Seattle também precisa de um RB de alto nível e de substitutos para Michael Bennett, Richard Sherman, que já foram, e Jimmy Graham que deve encontrar o seu caminho também.

Comentários