Saints batem os Ravens em Baltimore com noite de vilão de Justin Tucker

Quantas e quantas vezes ao longo dos últimos anos vimos o Baltimore Ravens vencer graças aos chutes milagrosos de Justin Tucker? Infelizmente para o torcedor presente no M&T Bank Stadium, na noite deste domingo (21) ele foi o vilão. Com 24 segundos para o fim, Joe Flacco lançou um touchdown e caberia a Tucker converter o extra point para levar o duelo para a prorrogação. Acredite se quiser: ele errou! Foi o primeiro da carreira após 222 acertos. Vitória maravilhosa do New Orleans Saints por 24 a 23 nesse duelo que fechou a semana 7 da NFL.

Como não poderia ser diferente, Drew Brees foi o grande destaque do duelo: além de arquitetar uma virada espetacular no último período contra a então melhor defesa da liga, ele fechou o jogo com 22 de 30 passes completos, 212 jardas e dois passes para touchdown. Aliás, o primeiro dele foi o TD 500 da carreira – entrando em um seleto ‘grupo’ dos 500 ao lado de Peyton Manning, Brett Favre e Tom Brady. Do lado dos Ravens, Joe Flacco também foi bem e apareceu no momento decisivo para (quase) empatar o confronto no fim.

A vitória mantém os Saints na liderança isolada da NFC South, com 5-1, e estaciona os Ravens com 4-3 na AFC North.

 

Baltimore sai na frente

 O duelo começou com o melhor ataque da NFL dominando a melhor defesa: os Saints tiveram 20 jogadas em uma campanha de mais de dez minutos de posse! Infelizmente para o pessoal de Louisiana, Taysom Hill sofreu um fumble a quatro jardas da end zone e acabou com o drive promissor. O placar só foi se movimentar no começo do segundo período em outra campanha longa – só que essa dos Ravens: 17 jogadas e field goal de 31 jardas Justin Tucker. 3 a 0 Ravens.

Apesar do bom ritmo, os primeiros pontos de New Orleans vieram a 1:57 para o intervalo: drive de quatro minutos liderado dor Brees finalizado com um ótimo passe do veterano para o TE Benjamin Watson dentro da end zone. Vitória dos Saints no intervalo? Nada disso. Em apenas seis jogadas, Flacco arquitetou uma campanha relâmpago e o calouro Lamar Jackson, posicionado como quarterback, anotou o primeiro TD da carreira a oito segundos do fim. Baltimore foi para os vestiários vencendo por 10 a 7.

 

Saints reagem e Tucker entrega

Após dois punts, um para cada lado, os Ravens trataram de fazer o M&T Bank Stadium balançar com mais um touchdown: campanha de 10 minutos finalizada com uma conexão de nove jardas de Flacco para o TD do calouro Mark Andrews. começo de um passeio em Baltimore? Nada disso. New Orleans recebeu a bola de volta e pagou na mesma moeda: Brees posicionou o ataque próximo da end zone e Alvin Kamara mergulhou para dentro da end zone: primeiro TD sofrido pela defesa dos Ravens no segundo tempo de um jogo em 2018.

O touchdown parece ter incendiado de vez os Saints – o time engatou uma sequência impressionante e logo virou o jogo em Baltimore com dez pontos no começo do último péríodo: um TD de cinco jardas de Brees para Michael Thomas e um field goal de Will Lutz. 24 a 17 New Orleans a dois minutos do fim.

Jogo resolvido? Pense duas vezes. Flacco recebeu a bola precisando de um touchdown e logo se encontrou com a end zone: acertou todos os seis passes que tentou – o último deles uma conexão de 14 jardas para John Brown! Prorrogação em Baltimore? ‘Só que não’. Justin Tucker errou o primeiro extra point da carreira, depois de 222 acertados, e acabou entregando o jogo de bandeja aos Saints com 24 segundos para o fim! Vitória fundamental de New Orleans fora de casa!

 

Próximos jogos

As duas equipes voltam a campo no próximo domingo (28): enquanto os Ravens viajam até Charlotte para encarar os Panthers às 21h20, os Saints fazem a reedição dos playoffs do ano passado contra os Vikings no US Bank Stadium. Jogaço!

Comentários