Com show de Kaepernick, 49ers vencem os Packers e vão à final da NFC

Começou com promessa de um jogo equilibrado, mas terminou com contornos de massacre.  Dominante em todos os aspectos, principalmente no jogo corrido, o San Francisco não tomou conhecimento do Green Bay Packers e venceu com autoridade por 45 a 31 no Candlestick Park. A vitória coloca os Niners na final da NFC, o time vai enfrentar o vencedor de Seattle Seahawks e Atlanta Falcons, que se enfrentam amanhã às 16h.

A falta de experiência em playoffs pesou para o QB Colin Kaepernick, pelo menos no começo do jogo. Logo na segunda tentativa de passe ele foi interceptado por Sam Shields,o cornerback até com certa tranqüilidade retornou para a endzone adversária e abriu o placar em San Francisco. A aparente pressão inicial de atuar na pós-temporada passou, Kaepernick voltou conduzindo um belo drive, que resultou em um touchdown em uma corrida de 20 jardas do próprio QB. O primeiro quarto terminou com Green Bay retomando a liderança no placar, o RB DuJuan Harris correu bem no meio da boa linha do 49ers e marcou um touchdown de 18 jardas.

A partida continuou espetacular no segundo quarto, os Niners aproveitaram um presente dado pelos Packers e voltaram a empatar o jogo. O time tirou vantagem da ótima posição de campo após um fumble do WR novato Aaron Ross e anotou um TD em um passe de 12 jardas na conexão Kaepernick – Michael Crabtree.  Também foi assim que San Francisco virou a partida, aproveitando um turnover dos Packers e entrando na endzone em mais um passe de Colin Kaepernick para Crabtree.  Foi apenas a nona interceptação de Rodgers em 2012, a primeira na pós-temporada.

Green Bay estava longe de fazer um grande jogo, mas ainda sim se mantia vivo na partida, graças ao talento de Aaron Rodgers. Ele liderou um drive rápido de dois minutos e sete jogadas que resultou em um passe de 20 jardas na endzone para James Jones, empatando a partida em 21 a 21. Os Niners ainda chutaram um field goal de 36 jardas no estouro do cronômetro, fechando um primeiro tempo de domínio total. Foram 22 minutos de posse contra apenas oito de Green Bay, mais do dobro de jardas totais… Os Packers tiveram sorte de ir ao vestiário com apenas três pontos de diferença.

O domínio dos Niners foi ainda maior no segundo tempo, Colin Kaepernick em uma atuação espetacular mostrou que realmente tem potencial para levar o 49ers ao Super Bowl, calando os críticos que apostavam em uma amarelada do jovem quarterback. Seguro no pocket, ele também estava resolvendo com as pernas, marcou um touchdown correndo 56 jardas ampliando a vantagem do time da casa no terceiro quarto. Kaepernick terminou com impressionantes 182 jardas terrestres, estabelecendo o novo recorde de jardas pelo chão por um quarterback.

Os Packers estavam sendo totalmente dominados nas trincheiras, eles simplesmente não conseguiam parar o jogo corrido do rival. A surra continuou com mais dois touchdowns terrestres, marcados pelos RBs Frank Gore e Anthony Dixon, respectivamente. Já conformados com a eminente derrota, Green Bay descontou com um passe de três jardas de A-Rod para Greg Jennings.

Se a temporada de Green Bay acaba aqui, o 49ers segue firme na luta para estar em New Orleans no dia 3 de fevereiro. Para estar lá, o time precisa derrotar o vencedor de Atlanta Falcons  e Seattle Seahawks, que duelam amanhã.

Jornalista de Jundiaí e apaixonado pela NFL, Matheus 
Filippi é colaborador do @NFLBrasil.
Siga-nos no Twitter @NFLBrasil – Visite nossa página no Facebook – NFL Brasil

Tags:

Endzone Brasil - Onde termina tudo que você precisa saber sobre a NFL!

Mais notícias