Niners vencem os Panthers fora e enfrentam os Seahawks na final da NFC

Kaepernick imitando a comemoração de Cam Newton (Divulgação/Niners)

San Francisco 49ers era o único time visitante dos jogos de Divisional Round que aparecia nas bolsas de apostas como favorito. Mesmo com o apoio de seu torcedor, o Carolina Panthers sabia que seria muito difícil bater um time que chega nos playoffs em plena ascensão. Até com certa tranquilidade, os Niners venceram os Panthers por 23 a 10 e chegam na final da NFC pela terceira vez consecutiva. San Francisco levou a melhor no duelo de duas das melhores defesas da liga, o grupo defensivo conseguiu 5 sacks em Cam Newton e interceptou o QB duas vezes. O destaque do jogo mais uma vez foi Colin Kaepernick, como o quarterback cresce de produção nos playoffs. Ele lançou dois touchdowns e correu para mais um, garantindo a oitava vitória seguida de sua equipe.   

Começo de partida muito nervoso no Bank of America Stadium, a forte defesa do Carolina tentava desestabilizar os recebedores adversários com muita provocação entre uma jogada e outra. Mesmo assim o time visitante foi melhor no primeiro quarto, teve mais posse de bola e soube encontrar espaços na ótima defesa dos Panthers. Os Niners tiveram duas boas campanhas, mas não transformaram a superioridade em touchdowns. O kicker Phil Dawson converteu dois field goals, colocando San Francisco na frente em Charlotte. O segundo desses drives se iniciou em uma boa posição de campo, após Cam Newton ser interceptado pelo monstro Patrick Willis. Dessa vez a culpa não foi dele, o WR Brandon LaFell não agarrou o passe e a bola ficou limpa na frente do linebacker dos Niners.

Os Panthers melhoraram demais no segundo período, o ataque nulo até então começava a se encontrar. A primeira boa campanha bateu na porta da endzone, mas não conseguiu entrar, o time arriscou uma quarta descida na linha de meia jarda e parou no paredão armado por Patrick Willis e companhia. Apesar da tentativa frustrada, o touchdown veio logo na próxima campanha, Newton achou Steve Smith livre, o WR mesmo com problemas no joelho entrou na endzone e colocou o seu time na frente do marcador pela primeira vez na partida.

Willis interceptando Newton (Divulgação/Niners)

Carolina seguia com muita intensidade, tanto no ataque como na defesa. Não demorou para o time da casa ampliar a vantagem, um field goal de 24 jardas convertido por Graham Gano. Parecia que os Panthers iriam para os vestiários na frente do placar, isso até San Francisco ter o melhor drive até então nos minutos finais. Em pouco mais de três minutos, os Niners avançaram 80 jardas e anotaram o primeiro TD na tarde deste domingo (12). Colin Kaepernick achou Vernon Davis no fundo da endzone, foi o sétimo touchdown do tight end em pós-temporada.

San Francisco manteve o bom momento no começo no segundo tempo, principalmente por conta do bom trabalho da linha ofensiva controlando a defesa que conseguiu mais sacks na temporada regular (60 em 16 jogos). Kaepenick foi o nome da campanha: depois de um lindo passe de 45 jardas para Anquan Boldin, o QB correu quatro jardas e anotou o quinto touchdown terrestre nesta temporada.
O ataque de Carolina teve uma longa campanha de oito minutos logo em seguida, porém não foi competente na hora de transformar posse de bola em pontuação. Dois sacks seguidos em Cam Newton tiraram o time da zona de field goal e obrigaram Carolina a sair do drive zerados.

Foi a vez dos Niners gastarem o relógio no último período, apoiados na vantagem de dez pontos. Apoiados no jogo terrestre, os Niners avanaçam o suficiente para chutar um field goal de 34 jardas e aumentar a vantagem na reta final da partida. 

Os Panthers precisavam de dois touchdowns em menos de sete minutos para vencer. Cam Netwon fazia de tudo para tentar mover as correntes do ataque, mas sofria em demasia com sacks da ótima defesa de San Francisco. Ele até conseguiu levar seu time perto da endzone, mas colocou tudo a perder: tentou uma conexão longa com o TE Greg Olsen, mas foi interceptado pelo safety Donte Whitner. Com a vantagem e a posse de bola, os Niners administraram a tranquila vitória.

San Francisco agora viaja até Seattle para enfrentar os Seahawks, duelo de divisão para definir o campeão da NFC.

Jornalista de Jundiaí e apaixonado pela NFL,  
Matheus Filippi é editor do @NFLBrasil.
    

Siga-nos no Twitter @NFLBrasil – Visite nossa página no Facebook – NFL Brasil

Tags:

Endzone Brasil - Onde termina tudo que você precisa saber sobre a NFL!

Mais notícias