Chiefs dominam os Dolphins, mesmo sem Charles

Sem Charles? Davis dá um jeito.

Sem Charles? Davis dá um jeito

O Kansas City Chiefs entraria em campo contra o Miami Dolphins, no Sun Life Stadium, sem a presença da sua principal arma ofensiva: o RB Jamaal Charles. Mesmo assim o time visitante dominou a partida por completo, na defesa e no ataque, e teve como principal destaque o running back reserva Knile Davis, que correu para 132 jardas. Os Dolphins também não contaram com seu RB titular Knowshon Moreno, mas não acharam alternativas para evitar a derrota por 34 a 15 no último domingo (21).

O primeiro quarto foi o festival de punts. E só terminou no período, depois que o K Caleb Sturgis erra um FG para os Dolphins e em seguida o RB Knile Davis corre 21 jardas para a endzone. O ataque dos Chiefs estava em tarde iluminada e pontuou mais uma vez com TD, do QB Alex Smith para o TE Travis Kelce. Miami ainda consegue pontuar no final do primeiro tempo, deixando a diferença em 11 pontos.

Na volta para o segundo tempo, os Chiefs pareciam aqueles mesmos que jogaram nas primeiras semanas. Smith foi sackado e ainda sofreu fumble, que Miami recuperou e anotou um TD em passe do QB Ryan Tannehill para o WR Brian Hartline. O apagão do ataque de Kansas foi repentino,  no drive seguinte Smith achou o RB Joe McKnight pelo meio para anotar mais um touchdown. Ainda no terceiro quarto, os Dolphins esboçavam uma reação. Primeiro anotando um FG de 51 jardas e depois derrubando Smith dentro de sua própria endzone, configurando um safety.

Tannehill segue com uma linha ofensiva displicente.

Tannehill segue com uma linha ofensiva displicente.

A diferença entre as duas equipes era apenas de seis pontos. Os Dolphins ainda tinham ótimas chances de vencerem a partida. Porém, era mesmo o dia dos comandados de Andy Reid. Primeiro com um TD de Smith para McKnight, com falha na conversão de dois pontos, e depois com o RB Cyrus Gray. Nem mesmo o fumble sofrido por Davis tirou do running back a melhor atuação de sua carreira.

Mesmo com as baixas, Reid elogiou bastante o time depois da vitória. O próximo jogo é no Arrowhead Stadium contra os Patriots, em partida válida pelo Monday Night Football. A franquia de Miami tenta fazer um time em que seu quarterback seja protegido, mas não é o que vem acontecendo. Tannehill vem sofrendo muito e agora os Dolphins jogam contra os Raiders, em Oakland, no próximo domingo (28).

Comentários