Bills batem rival Dolphins em casa e lideram AFC East

Calouro Sammy Watkins recebeu 117 jardas e 1 TD

Calouro Sammy Watkins recebeu 117 jardas e 1 TD

Em jogo estava a liderança provisória da AFC East – até o jogo dos Jets contra Green Bay, ao menos – e foram os Bills que levaram. O time venceu o rival Miami Dolphins por 29 a 10 no Ralph Wilson Stadium, em partida válida pela semana 2 da NFL neste domingo (14).

O time da casa teve chance de sair com uma vantagem ainda maior no primeiro tempo, mas acabou chutando três field goals, todos bem perto da endzone de Miami. No segundo tempo, os times tentaram, tentaram muito, mas acabaram esbarrando nas próprias limitações. Mas pelo menos tivemos pontuações em lançamentos de E.J. Manuel e de Ryan Tannehill.

Um punt bloqueado foi a melhor jogada do primeiro tempo. Em uma falha grotesca da linha de bloqueio dos Dolphins, Anthony Dixon, que chegou de San Francisco para reforçar o Special Team de Buffalo, mostrou a que veio. Entrou como quis pela linha e fez o abafa em Brandon Fields. A jogada deixou os Bills a 30 jardas da endzone de Miami, mas a ineficiência de E.J. Manuel na endzone, ou perto dela, que já preocupava antes de a temporada começar, ainda está lá, como um fantasma a rondar as redondezas do Ralph Wilson Stadium.

Sammy Watkins, o calouro no qual os Bills apostam seu futuro, recebeu 89 jardas no primeiro tempo, sendo 30 numa única jogada, mais uma recepção de 12 jardas para o touchdown no segundo tempo, terminando com 117 jardas totais. Além disso Buffalo contou muito com C.J. Spiller, que correu 69 jardas e mais um retorno de 102 jardas do kickoff do segundo tempo, costurando pela defesa sem ser tocado quase. Dan Carpenter também saiu com a perna cansada, chutando 5 field goals, sendo 3 no primeiro tempo. Uma mostra da ineficiência de converter em momentos importantes dos Bills foi que o mais longo desses chutes foi de 38 jardas, o último da partida, quando tudo já estava mais ou menos decidido.

Já Miami sofreu muito com a linha defensiva dos Bills. Foram 4 sacks em Ryan Tannehill, que só conseguiu alguns bons lançamentos no segundo tempo. O passe do touchdown de Mike Wallace foi a média dele no jogo, muito atrás do jogador, dependendo do talento dos seus recebedores para terminar a conexão. Os Dolphins perdiam o jogo, mas se mantinham com chances até a saída de Knowshon Moreno, lesionado. Lamar Miller não conseguiu ser uma alternativa viável, com apenas 46 jardas em todo o jogo e nenhuma corrida de mais de 7 jardas.

Os Dolphins enfrentam o Kansas City em casa domingo que vem (21), assim como os Bills recebem os Chargers. E, como poucos apostariam, os Bills lideram a AFC East.

Comentários