Na prorrogação, Dallas vence o duelo texano contra os Texans

temp24_HouGal_100514--nfl_mezz_1280_1024

Fitzptrick sofreu muita pressão no jogo

Em Dallas, os Cowboys receberam o Houston Texans para o clássico do Texas. E em um duelo muito equilibrado, definido na prorrogação, o time da casa venceu por 20 a 17. Com a vitória, o time mais querido da América, como são conhecido os Cowboys, lidera a NFC East com quatro vitórias em cinco jogos.

Desde o inicio da partida foi mostrado um equilibrio entre as duas equipes, tanto que a primeira pontuação só saiu no segundo período, quando Dan Bailey acertou um field goal de 33 jardas e o primeiro tempo acabou com os Cowboys liderando com esse chute.

No terceiro período, com pouco mais de oito minutos no relógio, os Texans foram à endzone em um touchdown de Arian Foster, que liderou a grande campanha de Houston até o TD. No entanto, quatro jogadas depois, o time de Dallas recuperou a dianteira com uma recepção de 43 jardas de Terrance Williams para TD, isso após Tony Romo escapar de um baita sack de JJ Watt.

A partir do quarto período o jogo pegou mais fogo ainda. Com menos de 10 minutos para o fim, Dez Bryant recebeu um passe de Tony Romo para touchdown e, após o extra point convertido, o placar ficou em 17 a 7 para os Cowboys. Buscando o empate, Houston colocou o pé no acelerador e foi pra reação. Após uma campanha de sete minutos e 13 jogadas, o time teve que se contentar com um field goal de 29 jardas do kicker Randy Bullock.

temp12_HouGal_100514--nfl_mezz_1280_1024

Mais um jogo de 100 jardas para DeMarco Murray

No fim do jogo, em uma campanha rápida de quatro jogadas e 45 jardas, Arian Foster coroou o drive com um touchdown de uma jarda e deixou o placar empatado, levando o duelo para a prorrogação.

No tempo extra, os Cowboys fizeram uma campanha de paciência com nove jogadas, 59 jardas e em cinco minutos, terminando com um field goal de 49 jardas do kicker Dan Bailey para vencer o jogo.

Tony Romo fez um bom jogo lançando para 324 jardas, dois touchdowns e uma interceptação. DeMarco Murray correu para 136 jardas em 31 corridas e já chegou 534 jardas totais na temporada – cinco jogos seguidos com mais de 100 jardas. Mais um bom jogo de Dez Bryant que a cada dia se fixa como um dos melhores recebedores da Liga, com 85 jardas em nove recepções e um touchdown. Do lado dos Texans, o grande destaque foi Arian Foster, que teve 157 jardas em 28 tentativas – média de 6.8 por corrida, maior do que a média de Fitzpatrick em passes (6.2) – além de dois touchdowns.

Na sua próxima partida, no próximo domingo, os Cowboys vão até o ensurdecedor Century Link Field para uma prova de fogo contra o Seattle Seahawks. Já os Texans recebem os embalados Colts no Thursday Night Football.

Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Comentários