Após dez derrotas seguidas, Raiders batem Chiefs e vencem primeira no ano

Murrray anotando o TD de 90 jardas

Murray anotando o TD de 90 jardas

Quem diria que a primeira vitória do Oakland Raiders viria no único jogo da equipe em horário nobre e diante de um embalado rival de divisão? Pois é, por essas e outras que a NFL é espetacular. Jogando com muita raça e determinação, os Raiders bateram o Kansas City Chiefs por 24 a 20, para explosão do molhado torcedor presente no O.co Coliseum, em Oakland. A vitória no Thursday Night Football desta quinta-feira (20) quebrou uma sequência de cinco triunfos consecutivos do rival. O destaque individual vai para o QB calouro Derek Carr, que mostrou frieza de um veterano para comandar a campanha da virada no último período. O desconhecido RB Latavius Murray também teve sua noite de glória, anotou dois TDs em quatro carregadas, um deles em um avanço de 90 jardas.

Não foi um começo de jogo espetacular em Oakland, três punts e apenas um first down nas primeiras campanhas do duelo da AFC West. O que dava para perceber era uma vontade fora do comum do time da casa, se superando a cada snap da partida. Os Raiders abriram o placar no final do primeiro quarto, o pior ataque da NFL funcionou: após uma campanha de oito jogadas, Latavius Murray entrou na end zone em um avanço de 11 jardas.

A defesa de Oakland, 26º cedendo pontos, estava em uma noite inspirada, seis das sete campanhas dos Chiefs no primeiro tempo resultaram em punt. O grupo tinha relativo sucesso brecando os avanços de Jamaal Charles, principal nome o ataque de Kansas City. O time da casa voltou a pontuar no início do segundo período, em uma jogada fantástica de Murray: ele pegou a bola na linha de 10 jardas do próprio campo, quebrou alguns tackles e teve uma raia livre para avançar 90 jardas e anotar o segundo touchdown dele e dos Raiders no jogo. O último TD dessa distância da franquia havia sido anotado pela lenda Bo Jackson, no distante ano de 1989.

Charles Woodson foi mais uma vez decisivo

Charles Woodson foi mais uma vez decisivo

Festa no O.co Coliseum, mas não por muito tempo. Atrapalhado pela forte chuva que caía, o WR Denarius Moore não agarrou o retorno de punt, os Chiefs recuperaram a bola em uma ótima posição para anotar o primeiro touchdown. Mas não anotaram. Mais uma vez a defesa dos Raiders deu conta do recado, Kansas City teve que se contentar com um field goal curto, convertido com maestria pelo kicker brasileiro Cairo Santos.  Os Raiders foram para os vestiários vencendo o duelo da AFC West por 14 a 3.

A primeira pontuação do segundo tempo também foi de Oakland, um field goal de 40 jardas convertido pelo consistente Sebastian Janikowski. Parecia que a primeira vitória finalmente viria, até que o time visitante iniciou uma ótima reação. Foram dois touchdowns seguidos, em duas campanhas perfeitas do QB Alex Smith: ele acertou os oito passes tentados, dois deles para os TDs de Anthony Fasano e Jamaal Charles, respectivamente. A virada dos visitantes veio no início do último período, o kicker brasileiro colocou o chute de 25 jardas dentro do “Y” e colocou seu time na frente pela primeira vez no jogo.

Eis que a estrela do QB Derek Carr brilhou, ele teve calma e tranquilidade para, aos pouquinhos, colocar Oakland de novo na frente do placar. Fez como manda o figurino: gastou mais de sete minutos do relógio, muito ajudado pelo FB Marcel Reece, precisou de 17 jogadas para anotar o TD da vitória, com uma conexão de 11 jardas com o WR James Jones. Festa extraordinária do sofrido torcedor dos Raiders! O ataque garantiu a virada, a defesa assegurou a vitória. O grupo parou a campanha final dos Chiefs e carimbou a primeira vitória em 2014! Derrota trágica para Kansas City, o time estaciona em 7-4 e pode ver os Broncos mais uma vez se isolarem na liderança da AFC West no próximo domingo.

As duas equipes voltam a campo no dia 30 de novembro: os Raiders viajam até St. Louis para encarar os Rams, os Chiefs recebem o rival Denver Broncos no Arrowhead Stadium no Sunday Night Football.

Comentários