Brett Favre entra no Hall da Fama dos Packers, e camisa 4 e aposentada

Mais do que justo e merecido. A tarde do dia 18 de julho ficará para sempre na história do Lambeau Field e na memória dos torcedores do Green Bay Packers. Um dos maiores jogadores da história da franquia, o quarterback Brett Favre entrou para o Hall da Fama dos Packers. Além disso, a camisa 4 do time, imortalizada por Favre, foi aposentada. A cerimônia especial aconteceu no Lambeau Field, lugar onde o QB mais brilhou.

As caras de Favre ao longo dos anos nos Packers

As caras de Favre ao longo dos anos nos Packers

Muito se questionou sobre a receptividade da torcida em Green Bay, já que após anunciar o fim da carreira nos Packers, Favre acabou trocando o time pelo New York Jets e encerrou sua carreira na NFL no rival de divisão, Minnessota Vikings, em 2010.

Número 4 de Favre está imortalizado no Lambeau Field

Número 4 de Favre está imortalizado no Lambeau Field

Durante o discurso de indução ao Hall da Fama dos Packers, o que mais Brett Favre foi agradecer aos torcedores, que lotaram o Lambeau Field.

– Wow… Tudo que eu posso dizer é wow. Isso é absolutamente demais. Não tenho palavras para descrever meu sentimento ao passar por aquele túnel para receber essa saudação – disse o ex-jogador, visivelmente emocionado, ao se referir sobre o túnel de entrada dos jogadores dos Packers.

Quem pensa que Favre começou nos Packers está ligeiramente enganado. O QB foi draftado pelos Falcons, mas não tinha a confiança do técnico. Após uma temporada em Atlanta e apenas quatro passes, ele deixou o time e foi trocado para os Packers. O responsável pela troca, e por mudar a história de Green Bay foi Ron Wolf, GM do time na ocasião. Em Wisconsin, Favre virou ídolo,se tornou lenda, e deixou recordes que ainda estão intactos no Record Book da NFL.

Veja o discurso no vídeo abaixo:

Defendendo a camisa 4 dos Packers, Brett Favre escreveu seu nome na história. 253 jogos consecutivos, 61.655 jardas aéreas, 5.377 passes completados, 442 touchdowns, 160 vitórias… Números gigantes, assim como o QB. Isso sem falar em momentos inesquecíveis, como a vitória sobre os Raiders, que aconteceu no Monday Night Football no dia seguinte após a morte de seu pai.

– Eu sei que ele estaria orgulhoso – lembrou Favre sobre como seu pai estaria se sentindo se estivesse vivo hoje.

Relembre os 10 melhores momentos de Brett Favre nos Packers:

Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Comentários