Análise da temporada: como será o 2015 do San Francisco 49ers

A intertemporada do San Francisco 49ers foi possivelmente uma das mais conturbadas de qualquer time da NFL na história. Além de trocar boa parte da comissão técnica (mandou embora um ótimo treinador), o time aos poucos foi perdendo muitos jogadores talentosos, seja por free agency, dispensa ou aposentadoria. Ao todo onze considerados titulares em 2014 não estão mais no elenco. Caberá a nova comissão técnica juntar os cacos e tentar tirar o máximo dos atletas à disposição.

Jim Tomsula assume o comando dos Niners com uma difícil missão pela frente

Jim Tomsula assume o comando dos Niners com uma difícil missão pela frente

SAIBA MAIS
> Compre ingressos para os jogos do San Francisco 49ers
> Veja a tabela completa da temporada regular 2015
O nível de dificuldade da tabela das equipes em 2015

A tarefa não será nada fácil, estamos falando das saídas de nomes consagrados como Frank Gore, Justin Smith, Aldon Smith, Patrick Willis, Andy Lee, entre outros. Missão muito complicada do novo treinador da franquia, Jim Tomsula, ex-treinador de linha defensiva do time. Uma das metas do novo técnico será de dar mais consistência ao QB Colin Kaepernick, que sofreu em alguns momentos ano passado.  A real tendência é que os números de Kaep caiam ainda mais, separado dos ensinamentos do ex-técnico Jim Harbaugh.

Claro que esse não é o único motivo, a previsão leva em conta vários fatores, inclusive os vários jogadores talentosos que Kaepernick perdeu a sua volta: não terá mais o G Mike Iupati e o RT Anthony Davis para protegê-lo, nem Frank Gore para aliviar a pressão em momentos complicados. Falando em linha ofensiva, esse é o setor do ataque que preocupa mais. Os Niners trouxeram Erik Pears para substituir Davis como RT, um jogador no máximo mediano. Para o lugar de Iupati, o também mediano Marcus Martin deve assumir a titularidade. O único ponto forte do grupo é o ótimo LT Joe Staley.

NaVorro Bowlman será o líder da nova defesa

NaVorro Bowlman será o líder da nova defesa

A saída de Iupati afeta também o jogo terrestre, foi o melhor bloqueador para corridas no ano passado. Caberá ao jovem Carlos Hyde o papel de substituir Gore, simplesmente o RB com mais jardas da história da franquia. Para dar um toque de experiência, além de ser uma boa opção nos passes curtos, os Niners trouxeram o veterano Reggie Bush, ex-Lions. No corpo de recebedores, o sempre machucado Michael Crabtree se foi, o rápido Torrey Smith chegou para o seu lugar. Vai reeditar ao lado de Anquan Boldin a dupla de WRs campeã do Super Bowl pelos Ravens em 2012. Um dos melhores TEs da liga no papel, mas um desastre em 2014, Vernon Davis espera dar a volta por cima este ano.

Assim como a linha ofensiva, a defensiva também sofreu desfalques de peso, Justin Smith e Ray McDonald não estão mais presentes. As disputas para as posições ainda estão em aberto, com Quinton Dial e o recém-chegado Glenn Dorsey levando vantagem. Pelo meio, o nem sempre saudável Ian Williams deve ser o nose tackle. A quinta melhor secundária cedendo jardas aéreas em 2014 perdeu os dois cornerbacks titulares, Tremaine Brock e o recém-chegado Shareece Wright, ex-Chargers, devem começar jogando em 2015. Pelo meio, a dupla de safeties é muito boa, Antoine Bethea e Eric Reed devem manter o bom trabalho.

Na linha de linebackers, mais desfalques gigantes, a dupla de ILB titular em 2014 se aposentou ao final da temporada: Patrick Willis e Chris Borland. Pelo menos o ótimo NaVorro Bowman volta de uma grave lesão no joelho para liderar essa defesa, possivelmente ao lado de Nick Moody ou Michael Wilhoite. Apesar da dispensa de Aldon Smith, por incontáveis fatores extracampo, a posição ainda segue forte, com Ahmad Brooks e o promissor Aaron Lynch.

Quem chegou

RB Reggie Bush, WR Torrey Smith, G/OT Erik Pears, DE/DT Darnell Dockett, ILB Philip Wheeler, CB Shareece Wright.

 

Quem saiu

RB Frank Gore, WR Michael Crabtree, WR Stevie Johnson, OT Anthony Davis, G Mike Iupati, DE/DT Justin Smith, DE/DT Ray McDonald, ILB Patrick Willis, ILB Chris Borland, OLB Dan Skuta, CB Perrish Cox, CB Chris Culliver, P Andy Lee.

 

Vai até onde?

Após tantas mudanças, pouquíssimas para melhor, fica complicado esperar uma grande temporada do San Francisco 49ers em 2015. Claro que a camisa pesa, os jogadores de talento que lá ficaram podem fazer a diferença e ganhar algumas partidas. Entretanto, a perspectiva inicial não é boa, os Niners devem ir de protagonistas nos últimos anos a coadjuvante na temporada que se aproxima. Talvez o time tivesse chance de ir aos playoffs se atuasse em outra divisão, mas na fortíssima NFC West a missão é quase impossível.

pojetu PRÉVIA 2015 niners

Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Comentários