Por dentro do jogo: como foi cada partida da semana 8 da temporada

Quatro times invictos, viradas emocionantes no fim das partidas, jogo mais esperado em Denver, último duelo deste ano em Londres… A semana 8 da temporada regular 2015 da NFL foi demais!

Miami Dolphins 07 @ 36 New England Patriots
Gillette Stadium

Melhor passador: Tom Brady, NE (26/38 para 356 jardas e quatro touchdowns)
Melhor corredor:  LeGarrette Blount, NE (17 tentativas e 72 jardas)
Melhor recebedor: Rob Gronkowski, NE (seis recepções, 113 jardas e um touchdown)

patriots_logoQuem segue sendo o dono da AFC East? Ele: Tom Brady. Parecia que os Dolphins poderiam dar trabalho para os Patriots, mas não teve nem graça. O camisa 12 estava inspiradíssimo e não queria uma noite sem sustos. Foi uma atuação digna de MVP, com grandes ajudas de Gronk e Edelman. Ahh… Teve o Dion Lewis também, que ficou de fora do jogo anterior e mostrou como é importantíssimo para os Patriots.

Dolphins_LogoKAcabou o efeito de Dan Campbell sobre o time? Longe disso. Acontece que as duas vitórias vieram contra adversários mais fracos, e o rival na semana 8 era muito mais forte. Ainda mais com o time perdendo o seu principal jogador defensivo. A falta que Cameron Wake vai fazer para a defesa dos Dolphins é muito grande.

Detroit Lions 10 @ 45 Kansas City Chiefs
Wembley Stadium

Melhor passador: Alex Smith, KC (18/26 para 145 jardas e dois touchdowns)
Melhor corredor:  Charcandrick West, KC (20 tentativas, 97 jardas e um touchdown)
Melhor recebedor: Travis Kelce, KC (seis recepções, 49 jardas e um touchdown)

chiefs_logoAlex Smith teve sua grande atuação no ano. Correndo bem e passando com segurança, o quarterback explorou cada espaço deixado pela frágil defesa adversária. Charcandrick West mostrou bom jogo mais uma vez, ajudando a desafogar o ataque. Quem também voltou foi Travis Kelce, que andava sumido e apareceu muito bem novamente.

lions_logoUm time apático, sem vontade de vencer e de correr atrás. Já alertamos que a temporada dos Lions é apenas para cumprir tabela e pensar no ano de 2016, porque neste ano já foi. Difícil é Jim Caldwell ficar até o final de 2015 no comando da equipe.

Tampa Bay Buccaneers 23 @ 20 Atlanta Falcons
Georgia Dome

Melhor passador: Matt Ryan, ATL (37/45 para 397 jardas, dois touchdowns e uma interceptação)
Melhor corredor:  Devonta Freeman, ATL (21 tentativas e 88 jardas)
Melhor recebedor: Julio Jones, ATL (12 recepções, 162 jardas e um touchdown)

falcons_logoOs melhores em cada quesito foram dos Falcons, mas o time ainda assim perdeu o jogo. Sim, isso faz parte do ditado da NFL de quem erra mais, perde. Interceptação, fumbles na redzone… Ai não tem atuação que segure. Uma derrota que coloca o time dois jogos atrás do líder da divisão, complicando a briga por uma vantagem nos playoffs, mas a situação ainda é “tranquila” em Atlanta.

bucs_logoNão foi o jogo espetacular, mas foi uma baita vitória para os Bucs. O time não errou, jogou seguro e quase sucumbiu mais uma vez no segundo tempo. No entanto, a defesa cresceu na prorrogação e, após o FG, segurou a vitória. E foi uma vitória especial para Kwon Alexander, que perdeu o irmão dois dias antes do jogo, entrou em campo e foi fundamental.

San Diego Chargers 26 @ 29 Baltimore Ravens
M&T Bank Stadium

Melhor passador: Philip Rivers, SD (28/37 para 301 jardas e três touchdowns)
Melhor corredor:  Justin Forsett, BAL (17 tentativas e 69 jardas)
Melhor recebedor: Malcom Floyd, SD (quatro recepções, 82 jardas e dois touchdowns)

ravens_logoMais um jogo dramático, mais uma partida decidida no fim… Mas dessa vez com final feliz para a torcida de Baltimore. Justin Tucker, que vem sendo o principal jogador do time em 2015, colocou todos os field goals no meio do “Y”. Mas mesmo vencendo os Ravens perderam. A lesão de Steve Smith, que tirou o WR da temporada e pode encerrar a carreira do experiente recebedor, vai complicar muito a vida de Flacco.

chargers_logoAs lesões não param, e atrapalham muito os planos dos Chargers. No jogo de Baltimore foram cinco no total, sendo a mais dura do WR Keenan Allen, principal alvo de Rivers. Com os Raiders crescendo e San Diego não jogando bem, a situação para o Wild Card fica quase impossível. Ainda mais com tantos problemas físicos.

Minnesota Vikings 23 @ 20 Chicago Bears
Soldier Field

Melhor passador: Jay Cutler, CHI (22/33 para 211 jardas e um touchdown)
Melhor corredor:  Adrian Peterson, MIN (20 tentativas e 103 jardas)
Melhor recebedor: Alshon Jeffery, CHI (10 recepções, 116 jardas e um touchdown)

bears_logoMais uma derrota dentro da divisão… Já são três nesta temporada. O tropeço foi pior ainda porque Matt Forte deixou o jogo machucado com um problema no joelho. Sem emplacar uma boa sequência e tomando coro atrás de coro na divisão, ficou difícil para os Bears nesta temporada.

vikings_logoAtenção com este Minnesota Vikings, que vai chegando devagar, sem chamar atenção, mas já está beliscando os Packers na ponta da NFC North. A defesa está jogando muito bem, e dando segurança para o ataque. Sabendo que a defesa pode segurar, Bridgewater explora bastante seu novo WR favorito: Stefon Diggs. Se a temporada acabasse hoje, veríamos AP nos playoffs.

Arizona Cardinals 34 @ 20 Cleveland Browns
FirstEnergy Stadium

Melhor passador: Carson Palmer, ARI (23/38 para 374 jardas, quatro touchdowns e uma interceptação)
Melhor corredor:  Chris Johnson, ARI (30 tentativas e 109 jardas)
Melhor recebedor: Michael Floyd, ARI (quatro recepções, 106 jardas e um touchdown)

browns_logoO primeiro tempo foi animador, com o ataque jogando bem diante de sua torcida, mas no segundo tempo não teve jeito. Os Browns não conseguiram, passaram zerados e acabaram derrotados mais uma vez. McCown ficou de fora o último drive inteiro, dando lugar a Manziel, mas Johnny Football nada pode fazer.

cardinals_logoDepois de um susto no primeiro tempo, Arizona colocou as coisas nos eixos na segunda etapa e controlou o jogo. Carson Palmer liderou o ataque, que voltou a anotar muitos pontos. A liderança da NFC West, com folga, segue mantida, e isso é importante neste momento de definições na temporada.

BANNERNOVO

Tennessee Titans 06 @ 20 Houston Texans
Gillette Stadium

Melhor passador: Brian Hoyer, HOU (23/35 para 235 jardas e dois touchdowns)
Melhor corredor:  Antonio Andrews, TEN (16 tentativas e 64 jardas)
Melhor recebedor: DeAndre Hopkins, HOU (oito recepções, 94 jardas e um touchdown)

texans_logoUma vitória que anima um pouco o torcedor em Houston. A defesa controlou as ações contra os Titans, o ataque errou pouco e o time venceu. De quebra, colou nos Colts, líder da AFC South, e pode controlar seu próprio destino para os playoffs a partir da próxima rodada. Difícil, porque o ataque é inconstante, e fraco, mas ainda existe esperança nos Texans.

titans_logoMais que a derrota, mais uma atuação ruim do time do Tennssee custou muito caro. Ken Whisehunt foi demitido após mais um tropeço – o sexto em 2015. Marcus Mariota vem fazendo muito falta ao ataque e deve voltar na próxima semana. A defesa, que vinha jogando bem, não conseguiu parar o fraco ataque dos Texans. Sem técnico, mesmo estando só dois jogos atrás do líder da divisão, a situação se complica par aos Texans.

New York Giants 49 @ 52 New Orleans Saints
Mercedes-Benz Superdome

Melhor passador: Drew Brees, NO (39/50 para 505 jardas, sete touchdowns e duas interceptações)
Melhor corredor:  Mark Ingram, NO (16 tentativas e 80 jardas)
Melhor recebedor: Odell Beckham Jr., NYG (oito recepções, 130 jardas e três touchdowns)

saints_logoDrew Brees igualou o recorde de passes para touchdown, com sete pontuações na partida deste domingo. Foi um show aéreo, com nove recebedores com passes, sendo cinco com TDs. É a terceira vitória seguida de New Orleans, que começa a embalar e mostra que pode brigar por uma vaga de Wild Card, pois pelo título da divisão teria que tirar uma desvantagem de três jogos dos Panthers.

giants_logoEli Manning não cometeu turnovers, teve em Odell Beckham Jr, mais uma vez, o seu grande alvo na partida, mas não venceu. No entanto, segue na ponta da divisão. A defesa, caso o time queira brigar por algo mais longe na temporada, precisa melhorar. E muito!

Cincinnati Bengals 16 @ 10 Pittsburgh Steelers
Heinz Field

Melhor passador: Andy Dalton, CIN (23/38 para 231 jardas, um touchdown e duas interceptações)
Melhor corredor:  DeAngelo Williams, PIT (Nove tentativas e 71 jardas)
Melhor recebedor: A. J. Green, CIN (11 recepções, 118 jardas e um touchdown)

steelers_logoMais uma vez o trio BBB (Ben, Bell e Brown) não vai estar junto. O RB teve uma lesão de ligamento e está fora da temporada. É uma perda tremenda, mas DeAngelo Williams está correndo bem e, enquanto Le’Veon esteve fora, ele conseguiu ajudar bem o time. A briga agora dos Steelers é pelo Wild Card, porque correr atrás desse Bengals será difícil demais. Ahhh… A defesa jogou bem, forçando turnovers em Dalton, e isso é bom.

bengals_logoSeattle em casa, Pittsburgh fora. O cartel dos Bengals nesta série invicta vai ganhando um peso muito grande e credenciando o time em coisas maiores nesta temporada. O ataque foi longe de ser espetacular como em outros jogos, mas a defesa apareceu bem demais e segurou a barra. Mesmo indo mal, A.J.Green passou das 100 jardas e teve touchdown. A AFC North está bem encaminhada para ficar em Cincinnati.

San Francisco 49ers 06 @ 27 St. Louis Rams
Edward Jones Dome

Melhor passador: Nick Foles, STL (14/23 para 191 jardas e um touchdown)
Melhor corredor:  Todd Gurley, STL (20 tentativas, 133 jardas e um touchdown)
Melhor recebedor: Tavon Austin, STL (quatro recepções, 98 jardas e um touchdown)

rams_logoA defesa dos Rams não teve muito trabalho para segurar o ataque dos 49ers e até safety conseguiu forçar na partida. Do outro lado, o ataque também conseguiu desenvolver bem, principalmente com Todd Gurley. O que o calouro vem fazendo nos últimos quatro jogos é demais. Com um bom alívio do jogo terrestre, Foles mostra segurança para achar seus recebedores.

49ers_logoMenos de 50% dos passes completados, nenhum touchdown e só 162 jardas. Números pífios para Kaepernick, que perdeu a vaga de titular para o próximo jogo. Mas não é só dele a culpa. Tá tudo errado em San Francisco, que perdeu Vernon Davis – trocado com os Broncos. É rezar para janeiro chegar logo, descansar todo mundo e pensar na próxima temporada. E o último que sair apaga a luz.

New York Jets 20 @ 34 Oakland Raiders
O.co Coliseum

Melhor passador: Derek Carr, OAK (23/36 para 333 jardas e quatro touchdowns)
Melhor corredor:  Latavius Murray, OAK (20 tentativas e 113 jardas)
Melhor recebedor: Michael Crabtree, OAK (sete recepções, 102 jardas e um touchdown)

raiders_logoEstá dando gosto de ver Derek Carr e companhia jogarem. Os Raiders estão se acertando, jogando redondinho e, se a temporada acabasse hoje, estariam nos playoffs. Um ataque seguro, com boas opções, e uma defesa que é experiente e pressiona bem os QBs adversários. O time do futuro pode render resultados ainda nesta temporada regular 2015. O jogo contra os Steelers, na semana 9, era uma boa opção, mas ESPN e Esporte Interativo vão passar Patriots e Redskins. É duro!

jets_logoQuando Fitzpatrick se machucou logo na primeira campanha do jogo, o coração do torcedor dos Jets gelou. Geno Smith entrou e o time perdeu mais uma. A lesão de Fitzpatrick é no dedo, e ele jogando com um dedo a menos é melhor que o Smith, que também terminou o jogo machucado. No entanto, o time segue bem encaminhado para ir aos playoffs.

banneringresso

Seattle Seahawks 13 @ 12 Dallas Cowboys
AT&T Stadium

Melhor passador: Russell Wilson, SEA (19/30 para 210 jardas, um touchdown e uma interceptação)
Melhor corredor:  Marshawn Lynch, SEA (21 tentativas e 71 jardas)
Melhor recebedor: Jimmy Graham, SEA (sete recepções e 75 jardas)

cowboys_logoDez Bryant voltou, mas longe de estar 100%. Por isso as apenas 97 jardas aéreas de Matt Cassel, que só acertou passes curtos (o mais longe foi de 15 jardas). A defesa até conseguiu suportar bem, mas o ataque sem Romo é fraco. Os Cowboys vão se complicando na briga pelos playoffs.

seahawks_logoNão foi a atuação de encher os olhos da torcida, mas contra os Cowboys sem Romo, vencer era obrigação para os Seahawks. E o time conseguiu. Não foi um teste a altura, mas a defesa vai conseguindo se encaixar.

Green Bay Packers 10 @ 29 Denver Broncos
Sports Authority Field at Mile High

Melhor passador: Peyton Manning, DEN (21/29 para 340 jardas, nenhum touchdown e uma interceptação)
Melhor corredor:  CJ Anderson, DEN (14 tentativas, 101 jardas e um touchdown)
Melhor recebedor: Demaryius Thomas, DEN (oito recepções e 168 jardas)

broncos_logoEra o jogo da rodada. Um duelo de invictos, que eleva o moral dos Broncos para a sequência da temporada. A folga fez bem para Peyton Manning, que voltou acertando os passes longos, mas o destaque foi a defesa. Que trabalho feito para pressionar A-Rod e não deixar o QB dos Packers tranquilo  em momento algum da partida. Foi uma partida perfeita, que credencia o time um degrau acima do que estava.

packers_logoAaron Rodgers teve a sua pior partida da carreira, e isso reflete no resultado do jogo. Se o ataque foi ruim, a defesa também não foi bem. Apesar de não ceder touchdowns para Manning, foram três pontuações pelo chão, sem contar as mais de 160 jardas para Thomas. Trabalho para Mike McCarthy na próxima semana, porque o jogo também é complicado!

Indianapolis Colts 26 @ 29 Carolina Panthers
Bank of America Stadium

Melhor passador: Cam Newton, CAR (16/35 para 248 jardas, dois touchdowns e uma interceptação)
Melhor corredor:  Jonathan Stewart, CAR (24 tentativas, 82 jardas e um touchdown)
Melhor recebedor: Greg Olsen, CAR (seis recepções, 79 jardas e um touchdown)

panthers_logoO apagão que o time sofreu no último período quase custou a derrota para os Panthers, mas no final a defesa salvou e Graham Gano garantiu dois field goals na prorrogação para vencer a partida. A defesa é monstruosa e Luke Kuechly tá jogando muito, mas fica o alerta que quase custou a invencibilidade. Alô Ted Ginn Jr… Vamos segurar direito a bola ai, heim?! Seu drop quase fez falta.

colts_logoTurnovers, fumbles, interceptações, turnovers, passes horriveis, chamadas péssimas… E ainda assim o Indianapolis Colts lidera a sua divisão. A reação no final do jogo deu um alento para a torcida, mas não convence de forma alguma. Luck não está bem, a linha ofensiva não protege direito e o cargo do técnico, coordenador ofensivo e até do general manager estão a perigo em Indianapolis.

Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Comentários