Seahawks atropelam os Panthers com show de Russell Wilson e Thomas Rawls

Em setembro seria um dos duelos mais esperados da temporada, mas a fase muito ruim do Carolina Panthers tirou um pouco da graça do espetáculo.  O Seattle Seahawks se aproveitou de uma defesa desfalcada de Luke Kuechly e passou o carro sem dó nem piedade: 40 a 7 no Sunday Night Football da semana 13. O destaque positivo ficou por conta do ataque de Seattle: finalmente Russell Wilson e Thomas Rawls estão saudáveis e em forma. Apesar da vitória, o clima no CenturyLink Field não era dos melhores pela grave lesão do safety Earl Thomas: o safety, chamado por todos de ‘QB da defesa’, fraturou a tíbia e chegou até a cogitar aposentadoria em seu twitter durante a partida.

Líder com muita folga em sua divisão, os Seahawks garantiram o segundo lugar da NFC e estariam de bye se a temporada terminasse hoje; já os Panthers com 4-8 estão praticamente fora da briga por pós-temporada. Os dois times voltam a campo no próximo domingo (11): os Panthers recebem o San Diego Chargers às 16h e os Seahawks viajam ao gelado Lambeau Field encarar os Packers às 19h25.

seahawks-panthers-grande

Atropelamento do começo ao fim

seahawks-panthers-1Os primeiros minutos de jogo já deram ideia de como seria toda a partida – um domínio total e absoluto dos Seahawks. Os Panthers cometeram um turnover logo no primeiro snap da partida: interceptação bem feia lançada por Derek Anderson. Isso mesmo, você não leu errado. Cam Newton, MVP do ano passado, começou o duelo no banco! O camisa 1 explicou que se tratou de uma punição do técnico Ron Rivera por ele não ter usado gravata na viajem do time a Seattle. Ele já retornou na campanha seguinte. Os Seahawks capitalizaram a roubada de bola com um field goal de Hauschka e já abriram 10 a 0 logo em seguida com um drive dominante finalizado com uma corrida de oito jardas de Thomas Rawls.

O segundo quarto começou com mais um turnover dos Panthers: fumble do RB Jonathan Stewart recuperado por Seattle – que devolveria a bola logo em seguida com uma interceptação de Russell Wilson nas mãos do safety Tre Boston. O momento mais triste da partida veio na fratura do monstro Earl Thomas: ele se chocou com Kam Chancellor ao desviar um passe e fraturou a tíbia. O safety deve perder o restante da temporada e chegou a falar em aposentadoria em seu twitter. Muito triste. Carolina aproveitou que o reserva Steven Terrell estava em campo e castigou a secundária com a única pontuação na noite: conexão de 55 jardas de Newton para Ted Ginn no meio da secundária. 10 a 7 Seahawks.

seahawks-panthers-2Seattle não sentiu o baque e destruiu os Panthers antes do intervalo com mais 13 pontos! Em ótima forma, finalmente saudável, Rawls continuou a festa com um drive de duas corridas – a última delas um avanço de 45 jardas para o segundo TD dele na noite. Steven Haucshka chutou mais dois field goals antes do intervalo, de 37 e 31 jardas respectivamente, e os Panthers foram para os vestiários com uma sapecada de 20 a 07.

O atropelamento seguiu já no primeiro snap do segundo tempo: o WR Tyler Lockett escapou pela direita e correu 75 jardas até a end zone! Jogada muito engraçadinha dos Seahawks! Carolina finalmente produziu algo na partida com dois drives longos no terceiro período, mas sem pontos no placar. E se você tem a chance de pontuar no CenturyLink Field e não faz acaba pagando o preço. Foram mais duas boas campanha de Seattle e mais dez pontos na conta: um lindo passe de Wilson para o TE Jimmy Graham e mais um field goal de Stephen Hauschka para fechar a conta: 40 a 7 pra os Seahawks! Alguém em Charlotte anotou a placa?

Comentários