Defesa amassa Andy Dalton e garante vitória dos Steelers contra os Bengals

O começo de jogo indicava um duelo bem equilibrado, mas, aos poucos, a defesa do Pittsburgh Steelers foi mostrando toda a sua força. Esse grupo ainda vai dar o que falar! O front seven colocou muita pressão em Andy Dalton, a secundária interceptou o QB em duas oportunidades e garantiu a vitória maiúscula sobre o rival Cincinnati Bengals por 29 a 14 no Heinz Field. O duelo da AFC North voi válido pela Semana 7 da NFL na tarde deste domingo (22).

O ataque dos Steelers não foi fulminante como outrora, mas não comprometeu: foram dois passes para touchdoown de Ben Roethlisberger e Le’Veon Bell correndo para 134 jardas. Do lado dos Bengals, Andy Dalton teve dois tempos completamente diferentes: dois TDs no primeiro e duas INTs no segundo. O triunfo foi essencial para Pittsburgh brecar a reação do rival e se isolar ainda mais na liderança de sua divisão. Vitória bem contundente!

Primeiro tempo parelho

Como previmos no pré-jogo, foi um primeiro quarto bem equilibrado na Pensilvânia – tanto em posse de bola como em pontos. Os Steelers tiveram sucesso contra a segunda melhor defesa da NFL e, logo na primeira campanha, anotaram um touchdown. Le’Veon Bel carregou o piano com boas corridas e Ben Roethlisberger finalizou o drive com a conexão mortal com o excelente Antonio Brown. Steelers na frente! Não por muito tempo. Com um bom ritmo no ataque, Andy Dalton foi achando seus recebedores e logo empatou o duelo com uma conexão curta com Brandon LaFell – primeiro dele na temporada! Tudo igual no Heinz Field.

A troca de touchdowns seguiu no segundo período! Big Ben tirou mais um coelho da cartola e lançou seu segundo TD da noite: conexão de 31 jardas para o calouro Juju Smith-Schuster entrar na end zone e colocar Pittsburgh de novo na frente. Cincinnati respondeu de forma corajosa: o time arriscou uma quarta descida na beira da end zone e foi premiado com um lindo passe de Dalton para o TE Tyler Kroft no play-action. 14 a 14 na Pensilvânia.

O equilíbrio durou até a metade do segundo período. Doutrinação dos Steelers! O ataque teve mais duas boas campanhas e entrou na red zone, mas a defesa dos Bengals levantou o muro e obrigou Chris Boswell a chutar dois field goals curtos. Pittsburgh foi para o intervalo vencendo por 20 a 14.

Defesa dos Steelers doutrinou Andy Dalton

Após um primeiro tempo bem parelho, na segunda etapa apenas um time entrou em campo. Domínio total e absoluto dos Steelers – principalmente da defesa. O grupo foi feroz e não deu qualquer chance para Andy Dalton e companhia! Para se ter uma ideia, o QB dos Bengals terminou o terceiro período com apenas um first down e duas interceptações! Belíssimo trabalho da secundária do time da casa. Apesar do ataque não ter transformado os turnovers em touchdowns, Boswell colocou mais dois field goals no meio do “Y” e manteve uma distância considerável no marcador.

O último quarto seguiu a mesma toada: a defesa dos Steelers colocou MUITA pressão e não deixou Andy Dalton respirar! Foram quatro sacks que praticamente mataram as campanhas ofensivas de Cincinnati. Pittsburgh seguiu o manual de como administrar uma vantagem no último período: Le’Veon Bell abusou das corridas, Boswell chutou o seu quinto field goal e fechou a conta: grande vitória por 29 a 14 no Heinz Field!

Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Comentários