Cowboys batem os Redskins no Thanksgiving e assumem a ponta da NFC East

Há algumas semanas, era um absurdo imaginar que o Dallas Cowboys poderia ser o campeão da NFC East. Hoje isso é uma realidade! Com a quantidade inimaginável de lesões no Philadelphia Eagles e a lesão de Alex Smith no Washington Redskins, essa divisão pode cair no colo da franquia do Texas. Com um terceiro quarto arrasador, os Cowboys bateram os Redskins por 31 a 23 no AT&T Stadium e seguem em plena ascensão na temporada 2018. Olho nesse time! A partida foi a segunda dos três embates da rodada especial de Thanksgiving – realizada nesta quinta-feira (22) em Alington.

Dallas teve uma partida muito consistente no geral: a defesa forçou turnovers e o ataque deu conta do recado. Ezekiel Elliott mais uma vez passou das 100 jardas, mas o destaque foi o WR Amari Cooper com 180 jardas e dois TDs. Nos Redskins, ficou claro que o time vai sofrer demais sem Alex Smith: Colt McCoy até lançou dois TDs, mas também teve três interceptações.

A vitória leva os Cowboys aos mesmos 6-5 dos Redskins, mas ficam na frente nos critérios de desempate – mas especificamente o confronto direto.

Primeiro tempo truncado com Dallas na frente

Como era esperado, o começo de partida no Texas foi muito truncado e extremamente defensivo – com ambas as equipes sofrendo para conseguir first downs. A exceção foi exatamente o primeiro drive da noite: os Cowboys dominaram com uma campanha de dez jogadas e finalizada com um touchdown terrestre de Ezekiel Elliott. Dallas até poderia aumentar a vantagem, mas não capitalizou uma interceptação de Colt McCoy – substituto de alex Smith. 07 a 0 Cowboys.

Depois de um início tímido, Colt McCoy começou a soltar o braço e encontrar seus recebedores. A sua melhor aparição veio na metade do segundo quarto: uma conexão maravilhosa de 53 jardas para o touchdown de Vernon Davis, logo no primeiro snap da campanha. Os Cowboys tentaram devolver na mesma moeda, mas pelo menos mantiveram a ponta no placar: Brett Maher converteu o field goal de 28 jardas e os Cowboys foram para o intervalo vencendo por 10 a 6 (Washington errou o extra point).

 

Terceiro período avassalador dos Cowboys

Washington recebeu a bola pela primeira vez na segunda etapa e não demorou para virar o duelo em Arlington: McCoy precisou de algumas jogadas para encontrar o calouro Trey Quinn dentro da end zone e colocar os Redskins na frente pela primeira vez na partida.

A resposta dos Cowboys foi rápida e mortal: o time anotou três touchdowns consecutivos e praticamente mataram o duelo no Texas. Meio apagado até então, Prescott lançou dois passes em profundidade e o recém-chegado Amari Cooper foi espetacular: conexões de 40 e 90 jardas para touchdown – o mais longo da franquia desde o ano 2000! Minutos depois, Dak aproveitou mais uma interceptação de McCoy e desfilou para dentro da end zone. 31 a 13 Dallas!

Washington até tentou responder no último período, mas nada que ameacasse a liderança dos Cowboys. Kapri Bibbs até descontou com um touchdown terrestre, mas Colt McCoy acabou com qualquer chance de vitória com a sua terceira interceptação. Grande vitórias do time da casa no Thanksgiving!

Próximos jogos

As duas equipes voltam a campo em jogos de horário nobre na semana 13: os Cowboys recebem o implacável Saints no Thursday Night Football (29) e os Redskins fazem o Monday Night Football (03) contra os Eagles, na Filadélfia.

Comentários