Ordem final do Draft 2019 com posições carentes de todos os 32 times

Com o New England Patriots levantando o troféu do Super Bowl 53, vamos ao que te interessa: Draft 2019! Veja como ficou a ordem final e as posições carentes das 32 equipes para o evento que promete agitar a NFL em abril!

1. ARIZONA CARDINALS (3-13)

Posições carentes: Linha ofensiva, wide receiver e secundária

Curiosamente, o time com a primeira não precisa de um quarterback. Josh Rosen se mostrou capaz de comandar o ataque – agora é preciso cercá-lo de talento.


2. SAN FRANCISCO 49ERS (4-12)

Posições carentes: Pass-rusher, linebacker, secundária

Um caso similar ao dos Cardinals – San Francisco deu a Jimmy Garoppolo um mega contrato e confia nele. O foco de todo o Draft dos Niners deve ser na defesa – especialmente no pass-rush.


3. NEW YORK JETS (4-12)

Posições carentes: linha ofensiva, wide receiver e pass-rush

Essa será a única escolha dos Jets em um bom tempo, portanto, o time vai precisar ser cirúrgico. Certamente o time vai cercar Sam Darnold de talento no mercado e buscar o jogador mais talentoso disponível na 3ª posição.


4. OAKLAND RAIDERS (4-12)

Posições carentes: Pass-rusher, linebacker, wide receiver

Será EXTREMAMENTE curioso ver como Mike Mayock, analista de Draft do NFL.com, vai se sair como general manager. Ele terá três escolhas de 1ª rodada para fazer essa equipe embalar com Jon Gruden.


5. TAMPA BAY BUCCANEERS (5-11)

Posições carentes: Quarterback (?), secundária e linha ofensiva

Como nenhum dos quatro primeiros vai de quarterback, o melhor prospecto disponível deve cair no colo dos Bucs. Será que eles pegam ou dão uma última chance a Jameis Winston? Aposto na primeira opção.


6. NEW YORK GIANTS (5-11)

Posições carentes: Quarterback, linha ofensiva e linha defensiva

É certo que os Giants vão buscar um quarterback calouro… Agora, será já na primeira posição? Caso os Bucs resolvam ficar com Winston, o melhor QB disponível pode cair no colo na sexta posição.


7. JACKSONVILLE JAGUARS (5-11)

Posições carentes: Quarterback, wide receiver e tight end

Esse é outro time que certamente vai buscar um quarterback e está esfregando as mãos esperando quem vai sobrar na sétima posição. Também é preciso dar alvos para o novo QB lançar a bola.


8. DETROIT LIONS (6-10)

Posições carentes: Secundária, wide receiver e pass-rusher

Não é de hoje que Matthew Stafford precisa de novos alvos para fazer esse ataque fluir – especialmente após a saída de Golden Tate. O time também deve buscar um substituto a Ezekiel Ansah – que deve sair.


9. BUFFALO BILLS (6-10)

Posições carentes: Linha ofensiva, wide receiver, cornerback

Será muito interessante ver como o calouro Josh Allen evolui em seu segundo ano – especialmente se a franquia der ao garoto alvo minimamente capazes de receber a bola. Ajudem o rapaz!


10. DENVER BRONCOS (6-10)

Posições carentes: Quarterback, wide receiver e secundária

Ficou extremamente claro que Case Keenum não é o futuro dessa franquia. A questão é: será que vão tentar subir para pegar outro jovem ou ficarão mais um ano com o veterano? Infelizmente para o torcedor, a segunda opção é a mais provável.


11. CINCINNATI BENGALS (6-10)

Posições carentes: Quarterback, tight end, linha ofensiva

Nada melhor que começar uma nova era, depois de 16 anos de Marvin Lewis, com um quarterback novo. Adeus, Andy Dalton! A franquia precisa ir atrás de um jovem que realmente pode fazer sombra ao veterano.


12. GREEN BAY PACKERS (6-9-1)

Posições carentes:  Pass-rusher, linha ofensiva e safety

O novo comandante dos Packers terá muito trabalho pela frente – a despedida melancólica deixou isso claro. A franquia precisa com urgência trazer sangue novo no pass-rush após uma queda brusca de rendimento de Clay Matthews.


13. MIAMI DOLPHINS (7-9)

Posições carentes: Quarterback, linha ofensiva e pass-rusher

O mesmo caso dos Bengals: Miami precisa começar a nova era se livrando do QB veterano e trazendo um novo rosto na posição de quarterback. Chega de Ryan Tannehill pelos lados da Flórida.


14. ATLANTA FALCONS (7-9)

Posições carentes: Guard, pass-rusher e linha defensiva

O grande problema de Atlanta não foi falta de talento, mas sim excesso de lesões. Com vários bons nomes voltando, a ideia pelos lados da Georgia deve ser de reforçar as trincheiras dos dois lados da bola oval.


15. WASHINGTON REDSKINS (7-9)

Posições carentes: Quarterback, linha ofensiva e wide receiver

Em algum momento os Redskins teriam que pensar em sangue novo na posição de quarterback… por que não agora? O futuro de Alex Smith segue indefinido, mas, infelizmente, o QB pode não entrar mais em campo na NFL.


16. CAROLINA PANTHERS (7-9)

Posições carentes: linha ofensiva, secundária e pass-rusher

A ideia deve ser não só reforçar o elenco como também repor os vários jogadores que serão free agents em 2019. Muito das sete derrotas consecutivas pode e deve ser colocado nos ombros da defesa.


17. CLEVELAND BROWNS (7-8-1)

Posições carentes: wide receiver, cornerback e linha ofensiva

Quem diria que, após anos péssimos, Cleveland é um time competitivo, com uma espinha dorsal montada, e que deve fazer barulho em 2019. Um left tackle deve ser a principal prioridade.


18. MINNESOTA VIKINGS (8-7-1)

Posições carentes: Linha ofensiva, linha defensiva e linebacker

Assim como os Panthers, os Vikings terão que lidar com os vários bons jogadores, especialmente da defesa, que se tornarão free agents no ano que vem. Terão que dar mais uma chance a Kirk Cousins depois do mega contrato assinado.


19. TENNESSEE TITANS (9-7)

Posições carentes: Lineacker, linha defensiva e wide receiver

Embora acredite que a franquia vai apostar em mais um ano de Marcus Mariota, vale ficar de olho nos próximos capítulos – especialmente depois que o QB, mais uma vez, deixou o time na mão nos momentos decisivos.


20. PITTSBURGH STEELERS (9-6-1)

Posições carentes: Cornerback, pass-rusher e inside linebacker

Muito da derrocada deve ser colocada nos ombros da defesa – que precisa de ajuda em todos os setores nesta offseason. A ausência de Ryan Shazier ainda foi muito sentida em 2018 – o time precisa ir atrás de um ILB.


21. SEATTLE SEAHAWKS (10-6)

Posições carentes: Linha ofensiva, cornerback e tight end

Por mais que a linha ofensiva tenha dado sinais de melhora, especialmente abrindo espaços para o jogo terrestre, ainda é preciso evoluir nesse setor. Um playmaker para fazer dupla com Shaquill Griffin também seria útil.


22. BALTIMORE RAVENS (10-6)

Posições carentes: wide receiver, linha ofensiva e pass-rusher

John Harbaugh deixou mais do que claro que Lamar Jackson é o futuro da franquia na posição de QB… Agora, que tal dar bons alvos para o garoto lançar? O interior da linha ofensiva também precisa de atenção.


23. HOUSTON TEXANS (11-5)

Posições carentes: Linha ofensiva, cornerback e running back

Os 62 sacks em Deshaun Watson falam por si só – a pior marca da NFL em 12 anos. Está mais do que claro qual o foco dos Texans nesta offseason. Um RB nessa boa classe de 2018 também cairia bem.


24. OAKLAND RAIDERS (4-12) (VEIO DO CHICAGO BEARS)

Posições carentes:  Pass-rusher, linebacker, wide receiver

Os Raiders agradecem aos Eagles pela vitória – dando a Oakland uma posição decente na escolha trocada por Khalil Mack. Tudo vai depender se eles vão buscar um bom pass-rusher com a 4ª escolha geral ou não.

25. PHILADELPHIA EAGLES (9-7)

Posições carentes:  Linha defensiva, cornerback e middle linebacker

Com todas as várias peças voltando de lesão em 2019, a principal preocupação dos Eagles será de repor as possíveis saídas de jogadores importantes via free agency. Brandon Graham, Ronald Darby e Jordan Hicks podem deixar o time em abril.


26. INDIANAPOLIS COLTS (10-6)

Posições carentes:  Wide receiver, secundária, linha defensiva

Será que Chris Ballard repete o brilhante treabalho do Draft 2018 em 2019? O time deu um salto de qualidade gigantesco em apenas um ano e deve melhorar ainda mais trazendo alguns alvos de qualidade para Andrew Luck lançar.


27. OAKLAND RAIDERS (4-12) (VEIO DO DALLAS COWBOYS)

Posições carentes:  Pass-rusher, linebacker, wide receiver

Terceira escolha dos Raiders na primeira rodada do Draft – essa vaio dos Cowboys em troca de Amari Cooper. Portanto, nada melhor do que utilizá-la para trazer um WR com potencial para Derek Carr lançar.


28. LOS ANGELES CHARGERS (12-4)

Posições carentes:  Linha defensiva, linha ofensiva, linebacker

Já pensou se os Chargers conseguem colocar os irmãos Joey e Nick Bosa juntos? Esse cenário por enquanto é impossível, pois o irmão mais novo está cotado para sair nas primeiras escolhas. A defesa mostrou contra os Patriots que precisa de mais playmakers.


29. Kansas City Chiefs (12-4)

Posições carentes: Secundária, pass-rusher e linebacker

Certamente o foco dos Chiefs será na defesa – para trazer peças que se encaixem no novo esquema defensivo do coordenador Steve Spagnuolo. O time precisará de um bom pass-rusher caso Dee Ford vá embora no free agency.


30. Green Bay Packers (6-9-1) (veio do New Orleans Saints)

Posições carentes: Pass-rusher, linebacker, secundária

Posição herdada dos Saints após a troca do ano passado para New Orleans selecionar Marcus Davenport. Apesar de Matt LaFleur ser uma das grandes mentes ofensivas da liga, a equipe terá que dar um jeito na defesa e trazer alguns playmakers – assim como os Colts fizeram no ano passado.

31. Los Angeles Rams (13-3)

Posições carentes: Safety, pass-rusher, defensive tackle

A única escolha dos Rams até o final da quarta rodada! Como Dante Fowler, Ndamukong Suh, Lamarcus Joyner e Sam Shields devem ir para o mercado, o time precisará encontrar substitutos para os que saírem no Draft.


32. New England Patriots (11-5)

Posições carentes: Linha defensiva, tight end e QB para o futuro

Será que, finalmente, a franquia vai atrás do futuro substituto de Tom Brady? Caso Gronkowski resolva se aposentar, a posição de tight end passa a ser a maior prioridade da equipe no próximo Draft.

Comentários