Antonio Brown vai jogar nos Raiders! Entenda por que a troca não foi boa para os Steelers

Os boatos dos últimos dias se tornaram realidade: Antonio Brown agora é jogador do Oakland Raiders. Após uma novela interminável, com muito drama e tensão por parte do jogador nas redes sociais, o camisa 84 finalmente conseguiu o contrato que tanto queria: três anos e 54 milhões de dólares – 30 deles garantidos. Os Steelers receberam em troca do All-Pro as escolhas de 3ª e 5ª rodada do próximo Draft. No fim das contas, quem se deu melhor nessa transação?

Apesar de alguns acharem que Pittsburgh se saiu bem por conseguir duas escolhas em uma negociação sem qualquer poder de barganha, os números dizem o contrário. A transferência de Brown não cancela os valores que os Steelers teriam que, por contrato, garantir ao wide receiver. Resumindo: Pittsburgh está pagando 21 milhões para que AB jogue em outro time da AFC. Isso não me parece um bom negócio.

Brown foi pago, mas será que terá o mesmo sucesso em Oakland?

Certamente Antonio Brown foi o mais vitorioso nesta história toda: conseguiu os 30 milhões garantidos que tanto queria. Agora, quanto será que essa alegria vai durar? Será que ele vai causar problemas assim que a equipe, que ficou 4-12 no ano passado, engatar uma série de derrotas? Ou se receber menos bolas do que ele acha que merecia? Esse é um ponto a se observar.

No fim das contas, tudo passa pelas mãos de Jon Gruden e o profundo trabalho de recuperação desse elenco – com três escolhas de 1ª rodada do próximo Draft. Poderia colocar Derek Carr como grande vencedor nesta história, mas há rumores que Oakland esteja pensando em trocar o veterano e ir atrás do garoto Kyler Murray no próximo Draft. Em teoria, a ideia de Gruden é montar um ataque com Brown, Murray e mais um ex-Steelers: Le’Veon Bell. Já pensou?

Steelers precisam virar a página

Apesar de não ter sido a melhor decisão da história da franquia, os Steelers estavam com as mãos atadas nesta negociação. Por todo cenário que se desenhou, não foi um péssimo negócio em termos de escolhas do Draft. O que dói na alma do torcedor de Pittsburgh são os 21 milhões de dinheiro morto no cap da equipe.

Pelo menos o time se livrou de um jogador que causou muitos problemas no vestiário da equipe no ano passado e que contribuiu para a campanha sem playoffs em 2018. O jeito para Pittsburgh será utilizar a 3ª rodada para buscar um bom WR no próximo Draft e seguir em frente.

Comentários