Prévia da temporada 2019: Como será o ano do Cincinnati Bengals

Após 16 anos de Marvin Lewis, começa uma nova era nas mãos de Zac Taylor

Embora o Cincinnati Bengals faça questão de enfatizar que a chegada do técnico Zac Taylor marca uma nova era na história da franquia, na prática, não é o que o torcedor está vendo: praticamente nada mudou depois de uma das temporadas mais decepcionantes da história da equipe. Será que é possível falar em renovação com os nomes que ainda estão lá? Confira a prévia do Cincinnati Bengals para a temporada 2019 da NFL!

Dalton terá a última chance em Cincinnati

Apesar da saída de Marvin Lewis, após 16 anos no comando, a base montada por ele segue no time: Cincinnati teve uma postura conservadora na intertemporada renovando com quem estava lá e tampando alguns buracos. Talvez o ponto de mais crítica tenha sido a permanência de Andy Dalton – um QB que já deu inúmeras mostras de que não pode levar a franquia a voos mais altos. Será que ele pode melhorar nas mãos de Taylor? Pelo menos a base da linha ofensiva que subiu de produção em 2018 está mantida e deve dar conta do recado – mesmo sem o calouro de 1ª rodada, Jonah Williams, que não deve entrar em campo em 2019 por conta de lesão.

Grande parte da instabilidade de Dalton está relacionada à ausência de AJ Green: o principal recebedor da equipe que há três temporadas não consegue atuar em mais do que 10 jogos por conta de lesão. Pelo menos Tyler Boyd está crescendo de produção e pode ser aquele WR2 que vem faltando aos Bengals nos últimos anos. Se voltar saudável, Tyler Eifert é um bom reforço para o corpo de recebedores – principalmente na end zone. No backfield, Joe Mixon deve carregar o piano e Gio Bernard é uma ameaça tanto correndo como recebendo passes.

>>>VEJA A NOSSA PÁGINA COM TODAS AS PRÉVIAS DA TEMPORADA 2019

Base da defesa permanece a mesma

Quando um time termina com a pior defesa em jardas e a terceira pior em pontos, a ideia é de que o setor seja totalmente reformulado, certo? Errado. Como a culpa foi colocada nas várias lesões ao longo do ano passado, a base do grupo para 2019 segue praticamente a mesma – talvez a única grande baixa seja o polêmico Vontaze Burfict.

A linha defensiva mais uma vez deve ser consistente com os Pro Bowlers Carlos Dunlap e Geno Atkins no elenco. A secundária também é bem estável e terá de volta os quatro titulares do ano passado – liderados por Dre Kirlpatrick. Agora, a linha de linebackers preocupa: se o grupo não era bom com Burfict, imagine sem ele.

Como apostar no Cincinnati Bengals em 2019

Ganhar o Super Bowl: paga R$ 126 para 1 segundo o Oddsshark.

Ganhar a Conferência: paga R$ 67 para 1 segundo o Oddsshark.

Ganhar a divisão: paga R$ 19 para 1 segundo o Oddsshark.

VAI ATÉ ONDE?

Apesar da tão esperada saída de Marvin Lewis, não espere grandes mudanças nos Bengals à curto prazo. Se conseguir ficar saudável, trata-se de um grupo competitivo. Entretanto, não será com Andy Dalton que os Bengals voltarão ao protagonismo na NFL. Devem ficar na lanterna da AFC North mais uma vez.

PREVISÃO: 4º DA AFC NORTH

Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Comentários