Lions batem os Eagles na Filadélfia em jogo de final eletrizante

O Philadelphia Eagles bem que tentou, teve mais jardas totais e tempo de posse do que o Detroit Lions, mas deixou o Lincoln Financial Field derrotado por 27 a 27 na tarde deste domingo (22). As Águias tropeçaram nos próprios erros: dois fumbles e sete passes dropados pelo desfalcado grupo de recebedores. Melhor para os Lions – que mostraram bastante qualidade em momentos cruciais da partida e seguem invictos na temporada 2019. O duelo foi válido pela semana 3 da NFL na Filadélfia.

O triunfo dá um recado claro aos adversários da NFC North: os Lions estão no páreo! Michael Stafford não foi brilhante, mas deu conta do recado com 18 de 32 passes completos, 201 jardas e um touchdown. Muito da vitória deve ser colocado na conta da defesa – que apareceu nos momentos decisivos. Do outro lado, Carson Wentz fez o que pôde sem seus principais recebedores e fechou o duelo com 259 jardas e dois passes para TD. Se não fossem os sete drops, os números do camisa 11 seriam bem melhores.

Detroit larga a frente

Os Eagles abriram o duelo com um field goal de Jake Elliott, mas não ficaram na frente por muito tempo: Jamal Agnew agarrou o kickoff dentro da end zone e correu todas as 100 jardas até a outra end zone! Belíssimo retorno e touchown Lions! 7 a 3 Detroit.

O ataque das Águias voltou a campo precisou de cinco minutos para anotar o primeiro touchdown no Linc: Carson Wentz acertou bons passes e Jordan Howard finalizou com um mergulho cruzando a linha de goal. Os Lions logo pagaram na mesma moeda: drive de 13 jodadas liderado por Matthew Stafford que Kerryon Johnson finalizou correndo para dentro da end zone.

Philadelphia até teve mais jardas na primeira etapa (228 a 152), mas não foi para os vestiários vencendo. O motivo? Turnovers! O ataque caminhava bem, mas sofreu dois fumbles seguidos: um do calouro Miles Sanders e outro de Nelson Agholor. A tragédia poderia ser grande, mas a defesa das Águias apareceu e limitou os Lions a dois field goals. Matt Prater colocou ambos os chutes dentro do “Y” e Detroit foi para os vestiários vencendo por 20 a 10.


Confira aqui todos os resultados da Semana 3


Final insano na Filadélfia

Mesmo com os desfalques no corpo de recebedores, o ataque dos Eagles engrenou no terceiro período e voltou para a partida com uma conexão de 20 jardas de Carson Wentz para Nelson Agholor. Detroit não sentiu o golpe e pagou com a mesma moeda logo em seguida: conexão de Stafford com Marvin Jones dentro da end zone. 27 a 17 Lions no começo do último quarto.

Filadélfia foi para o tudo ou nada e colocou a diferença novamente em uma posse de bola com mais um bom drive comandado por Wentz: dez jogadas e mais um passe para touchdown nas mãos de Agholor no canto direito da end zone.

Os minutos finais do duelo foram simpesmente insanos! Precisando de três pontos para empatar o duelo, os Eagles ariscaram uma 4ª descida, ainda no campo de defesa, e se deram mal. Os Lions chutaram o field goal para colocar a diferença em seis pontos, mas Malcolm Jenkins bloqueou o chute!

Philly recebeu a bola de volta na metade do campo com 1:39 no relógio, mas não conseguiu nem posicionar seu kicker para um field goal que levaria o duelo para prorrogação. Wentz bem que tentou, mas os drops mais uma vez apareceram – foram sete ao todo. A defesa de Detroit segurou as pontas e garantiu uma vitória importantíssima na Filadélfia!

Próximos jogos

Os Eagles voltam a campo já nesta quinta-feira (26) em um duelo extremamente complicado: o Thursday Night Football contra os Packers no Lambeau Field às 21h20. Já os Lions recebem os Chiefs às 14h do próximo domingo (29) no Ford Field.

Comentários