Divisional 2020: Prévia de Green Bay Packers x Seattle Seahawks

Dos oito quarterbacks ainda vivos na briga pelo Super Bowl 54 na fase de divisional, apenas dois já foram campeões anteriormente: Aaron Rodgers e Russell Wilson. Curiosamente, ambos vão se enfrentar neste domingo (12)! Prepare-se para um duelo entre Green Bay Packers e Seattle Seahawks que promete ser o mais equilibrado e emocionante do final de semana dos playoffs 2020. Anote na agenda: a bola vai voar às 20h35 no gelado Lambeau Field, em Wisconsin.

Apesar de jogar em casa, Green Bay não chega no seu melhor momento no ano: o time mais uma vez se mostrou irregular e teve que arquitetar uma virada incrível para bater o fraquinho Detroit Lions na última rodada – e garantir a folga na primeira rodada da pós-temporada. Muito dos altos e baixos pode ser colocado nos ombros de Aaron Rodgers – que não vem sendo tão brilhante como em anos anteriores.

>>> Confira o calendário completo dos playoffs

Do outro lado, temos um time que chega bem confiante: os Seahawks eliminaram os Eagles na Filadélfia e chegam com moral no Divisional. Claro que a concussão de Carson Wentz facilitou bastante as coisas, mas também deve ser destacado o brilho de Russell Wilson: o QB levou o ataque nas costas, após as várias lesões de running backs, e mostrou que está desembarcando nos playoffs no seu melhor momento na temporada. Quem vai levar esta em Wisconsin? Confira!

Os Packers levam boa vantagem no confronto geral: são 13 vitórias contra nove de Seattle em 22 jogos. Na última vez que os times se encontraram em temporada regular, na semana 11 de 2018, deu Seahawks: triunfo de 27 a 24 no CenturyLink Field. Aaron Rodgers foi bem com mais de 300 jardas e dois TDs, mas Wilson levou a melhor com um touchdown maravilhoso nos minutos finais.

Em playoffs, mais uma vez melhor para o time de Wisconsin – que venceu dois dos três confrontos realizados. Entretanto, os torcedores de Seattle gostam bastante de lembrar do último embate entre as equipes em pós-temporada. Na final da NFC da temporada 2014, o time de Pete Carroll conseguiu uma virada épica e derrotou os Packers na prorrogação, para depois enfrentar os Patriots no Super Bowl XLIX.

Claro que um Aaron Rodgers inspiradíssimo ajudaria demais os Packers no Lambeau Field, entretanto, a principal chave para a vitória passa pelo jogo terrestre. Mesmo com Carson Wentz fora, os Seahawks continuaram sofrendo diante dos Eagles – permitindo 120 jardas terrestres. Como Seattle possui muitos problemas no backfield, Green Bay pode ficar muito mais próximo da vitória se estabelecer o jogo terrestre, com Aaron Jones, e controlar o tempo de posse.

Também será fundamental que os Cabeças de Queijo vençam a batalha dos turnovers: o time possui a terceira melhor média da temporada regular (+12). Como Seattle deve ser mais previsível e usar e abusar do jogo aéreo ao longo da partida, isto será um prato cheio para a feroz dupla de pass-rushers: Za’Darius Smith e Preston Smith somam 25,5 sacks e precisam deixar Wilson desconfortável no pocket – forçando erros do camisa 3.

O que os Seahawks vem fazendo fora de casa é algo impressionante: são oito vitórias em nove jogos longe de Seattle – incluindo a vitória no Wild Card na Filadélfia. Embora o time tenha saído vitorioso contra os Eagles, o desempenho dos running backs foi uma lástima: Travis Homer (12) e Marshawn Lynch (07), somados, tiveram menos jardas terrestres do que o QB veteraníssimo Josh McCown (23). Mesmo Com Russell Wilson castigando também com as pernas, será impossível ter posse de bola no Lambeau Field se o jogo corrido não ajudá-lo minimamente.

Falando da defesa, o pass-rush de Seattle, que foi um dos piores da temporada regular, acordou para a vida nos playoffs e computou sete sacks diante dos QBs dos Eagles. A defesa dos Seahawks foi a segunda melhor forçando fumbles (16) – e este fator pode ser crucial esta noite, pois todos sabem que Aaron Rodgers costuma segurar a bola um pouco mais que o normal para achar seus recebedores.

Muito por jogar em casa, os Packers aparecem como os favoritos nas casas de aposta. Segundo os odds do Oddsshark.com/br, a vitória de Green Bay paga R$1,50 para cada real apostado; já o triunfo dos Seahawks no Lambeau Field rende R$2,75 para 1.

A promessa é de um duelo extremamente equilibrado – o mais parelho do Divisional Round. Embora fique muito complicado apostar contra Russell Wilson atualmente, a falta de um jogo corrido consistente por parte de Seattle pode ser o fiel da balança no Lambeau Field. Não será nada fácil, mas os Packers levam essa. Portanto, a dica de aposta para este duelo é o spread Seahawks +5.

Palpite do Endzone Brasil: Green Bay Packers 31 x 27 Seattle Seahawks

Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Comentários