Escolha do novo nome de Washington pode demorar até 18 meses, segundo Ron Rivera

Rivera Washington
Ron Rivera explicou o nome temporário nesta sexta-feira (24) (Reprodução/Washington)

Pouco mais de uma semana após anunciar a aposentadoria do nome anterior, a franquia de DC anunciou na última quinta-feira (23) que utilizará a alcunha provisória de “Washington Football Team” ao longo da temporada 2020 – até a aprovação da nova nomenclatura. Um dos responsáveis por escolher o novo nome, Ron Rivera, técnico da equipe, disse em entrevista nesta sexta-feira (24) que a troca pode demorar mais do que muitos imaginam.

This image has an empty alt attribute; its file name is OS_BRAZIL_300x300_2020_Q3_NFL.jpg

Em um bate-papo no programa “Good Morning Football”, da NFL Network, Rivera explicou a decisão de jogar sem um novo nome durante a temporada 2020:

“Estávamos discutindo qual seria o novo nome, mas descobrimos que trata-se de um processo bem demorado – de 16 a 18 meses. Não é algo que acontece instantaneamente. Realmente precisamos fazer o dever de casa e tomar a decisão certa – para que o novo nome perdure por mais de 100 anos. (…) Vamos fazer isso da maneira correta”

Ron Rivera – técnico do Washington Football Team

Veja também:

O antigo logo da equipe foi totalmente removido

Embora a ideia da franquia seja de manter as cores vermelho e dourado, o logo antigo sumiu do uniforme provisório e já foi totalmente removido das instalações da equipe – inclusive de todos os 90 vestiários dos jogadores.

“Os jogadores aprovaram o novo uniforme provisório – especialmente por ter mantido as cores da equipe”, disse o treinador. Rivera também contou que os atletas aprovaram a ideia de colocar os números no capacete ao invés do logo.

Conheça a história do Washington Football Team

Entenda o contexto da troca

Vale sempre explicar em qual contexto esta mudança está inserida. Como o termo anterior é considerado ofensivo para a comunidade nativo-americana, a franquia há alguns anos vinha sofrendo pressão para mudança, mas o dono majoritário, Dan Snyder, sempre ignorou a questão

Então o que mudou em 2020? Os principais patrocinadores entraram na jogada. FedEx, Nike e Pepsi se manifestaram pedindo a troca do nome – inclusive a marca de artigos esportivos retirou todos os artigos relacionados a franquia de seu website. Além disso, três sócios minoritários da equipe ameaçaram vender os 40% das ações para não ficarem associados a Snyder em meio a essa controvérsia.

Como o dinheiro fala muito alto na NFL, Dan Snyder finalmente cedeu a pressão e anunciou no começo de julho que o nome anterior e o logo estavam aposentados. Como o processo para escolha da nova alcunha vai demorar mais do que todos esperavam, a equipe resolveu adotar um nome provisório de “Washington Football Team” até que a nova nomenclatura seja definida.

Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Comentários