Saints vencem os Chargers de virada na prorrogação no MNF

O New Orleans Saints (3-2) recebeu o Los Angeles Chargers (1-4) nesta segunda-feira (12) e conseguiu sair com a vitória por 30 a 27. A equipe ficou atrás no placar durante a maior parte do jogo, mas um segundo tempo efetivo de Drew Brees e um field goal de Wil Lutz na prorrogação foram cruciais para o triunfo apertado. Foi a quarta derrota seguida de Los Angeles na temporada e a segunda vitória consecutiva dos Saints.

O ataque de New Orleans parecia “morto” no primeiro tempo, mas uma boa performance de recuperação de Drew Brees foi crucial para a virada da equipe. No total, ele completou 33 de 47 passes para 325 jardas, 1 TD e 1 INT, além de um touchdown terrestre através de um “sneak” na beira da end zone.

Pelos Chargers, Justin Herbert teve outro jogo de “gente grande”, mas mais uma vez, foi superado nos momentos finais do encontro. O novato de L.A. completou 20 passes em 34 tentativas para 264 jardas e 4 TDs. Seu principal parceiro foi Mike Williams, que em apenas 5 recepções, conquistou 109 jardas e anotou 2 touchdowns.

Veja também:

Chargers anulam Drew Brees e controlam a primeira etapa

A partida iniciou de forma ‘lenta’, com ambos ataques sendo anulados em suas campanhas iniciais. Porém, na segunda posse dos Chargers, a equipe abriu o placar. Uma bela corrida de Justin Jackson colocou L.A. na red zone e, em um 3rd down, Justin Herbert encontrou Keenan Allen para o primeiro TD do jogo. Na sequência, o Michael Badgley perdeu o extra point. Ainda no primeiro quarto, os Saints descontaram com um field goal de Wil Lutz. No início do segundo quarto, os Chargers aumentaram a vantagem. Uma falta boba do special teams de New Orleans deu nova vida à campanha de L.A. e Herbert finalizou o drive com seu segundo passe para TD na noite, encontrando Mike Williams na end zone.

Na tentativa de uma resposta, Drew Brees se colocou num profundo buraco na partida. O experiente QB foi interceptado por Nasir Adderley, que levou a bola oval até a beira da end zone dos Saints. Na ‘cara do gol’, Justin Herbert encontrou seu TE Hunter Henry para seu terceiro touchdown na noite, dando uma vantagem dominante para Los Angeles. Finalmente, na última campanha do primeiro tempo, New Orleans anotou seu primeiro TD no duelo. Brees comandou um bom drive rápido, com chamadas de ‘no-huddle’ e se apoiando em Emmanuel Sanders, seu principal recebedor, até realizar um QB sneak para penetrar a end zone adversária para deixar o placar em 20 a 10.


Confira aqui todos os resultados na Semana 5


Ataque dos Saints acorda e equipe conquista a vitória na prorrogação

O segundo tempo começou da mesma forma que o primeiro, com os dois times realizando punts. Na segunda posse da etapa, os Saints anotaram três pontos através de um chute de 53 jardas de Lutz, diminuindo sua desvantagem para apenas uma posse de bola. Na sequência, após forçarem mais um punt da oposição, New Orleans empatou o jogo, graças a um belo passe de 41 jardas de Brees para o TE Jared Cook. Nos minutos finais, o encontro pegou fogo de vez.

Primeiramente, os Chargers retomaram a liderança, graças a um belo passe de 64 jardas de Herbert para Mike Williams, seu principal alvo na noite. Rapidamente e com as costas contra a parede, os Saints empataram mais uma vez, graças a uma corrida do “coringa” Taysom Hill, que se alinhou como QB na jogada e correu 9 jardas para a end zone. Com apenas 5 segundos para o final do jogo, o kicker Badgley errou um field goal de 50 jardas, que daria a vitória para Los Angeles. Assim, com 27 a 27, partimos para a prorrogação.

Com a primeira posse da prorrogação, New Orleans não conseguiu matar jogo anotando um touchdown, somando apenas três pontos com um chute preciso de Lutz. Porém, os Chargers não conseguiram tirar proveito da oportunidade, ficando a apenas uma jarda de uma conversão de 4th down e assim, encerrando a partida. Final de jogo no Superdome, Saints 30 x 27 Chargers.

PRÓXIMOS JOGOS

Na semana 6 ambas equipes estarão de folga, voltando apenas aos gramados no domingo (25)

Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Comentários