Bills batem Colts no Wild Card e voltam a vencer nos playoffs após 25 anos

Josh Allen teve mais uma grande atuação na temporada (Reprodução/Bills)
prévia bills colts playoffs 2021

Os playoffs da NFL não poderiam ter começado de forma melhor! Em um jogão na tarde deste sábado (09), o Buffalo Bills confirmou seu favoritismo jogando em casa e avançou para o round divisional com uma vitória por 27 a 24 sobre o Indianapolis Colts. Muitos esperavam uma certa facilidade para os Bills no primeiro jogo da ‘Super Wild Card Weekend’, mas o que se viu foi o contrário. Um jogo acirrado, brigado, típico de playoffs, com muita emoção, viradas e emoção até o segundo final. Os Colts saem derrotados mas de cabeça erguida, enquanto Buffalo espera seguir o bom momento na semana que vem.

>> Veja os Palpites do Endzone Brasil nos playoffs da NFL

Candidato a MVP na terceira temporada de sua carreira, Josh Allen foi instrumental e decisivo, como esperado. Deixando para trás sua performance ruim nos playoffs de 2019, o camisa 17 completou 26 de 35 passes para 325 jardas e dois touchdowns, além de ser a principal arma terrestre dos Bills, adicionando mais 54 jardas corridas e um outro touchdown. Seu principal ‘parceiro de crime’ durante toda a temporada Stefon Diggs também brilhou, alcançando 128 jardas e um TD em apenas seis recepções.

Do outro lado, o veteraníssimo Philip Rivers foi sólido, mas longe de espetacular, assim como em toda a temporada regular. Em algumas situações, porém, sua experiência e visão de campo foram cruciais para o jogo de Indy, que surpreendentemente se manteve na briga por todos os 60 minutos. No total, Rivers completou 27 de 46 passes para 309 jardas e dois touchdowns.

>>> Confira o calendário completo dos playoffs e as demais prévias

Como fica?

Com a classificação, os Bills enfrentarão no round divisional um desses três oponentes: os Steelers, se superarem os Browns ou em caso de derrota de Pittsburgh, o vencedor do duelo entre Ravens e Titans. Os Colts, por sua vez, estão fora dos playoffs.

Veja também:

Colts controlam relógio mas saem em desvantagem no primeiro tempo

O jogo mais importante do ano para as duas equipes começou de forma travada, com boas jogadas defensivas. Em sua segunda campanha, os Colts conseguiram mover bem a bola, utilizando o running back Jonathan Taylor de forma inteligente e com boas conexões de Philip Rivers com seus recebedores. Então, a equipe abriu o placar com um chute de 30 jardas de Rodrigo Blankenship.

A resposta dos donos da casa viria imediatamente. O ataque dos Bills decidiu acordar e após uma jogada ‘à la Mahomes’, Josh Allen encontrou Dawson Knox totalmente livre na end zone para o primeiro TD da partida (7×3).

Na sequência os Colts voltaram a liderar o placar, com um touchdown chorado de Taylor correndo pelo meio (7×10). A equipe visitante, que dominou a posse de bola durante todo o primeiro tempo, arriscou demais em uma 4th&Goal na linha de 4 jardas e saiu de campo sem pontuar. Com pouco mais de um minuto e 96 jardas pela frente, Josh Allen fez mágica com conexões rápidas nas laterais e correu para a endzone nos segundos finais da etapa, deixando o placar no intervalo em 14 a 10 para Buffalo.


>> Confira a ordem inicial dos Draft 2021 e as posições carentes das primeiras 18 equipes


Bills aumentam vantagem mas sofrem até o último lance para confirmarem o triunfo

Na volta dos vestiários, os Bills seguiram com o bom momento e adicionaram mais dez pontos antes de qualquer reação adversária. Primeiramente, Tyler Bass converteu um field goal. Após uma falha de Blankenship do outro lado, Buffalo aproveitou o campo curto e com uma linda conexão de 35 jardas de Allen para Stefon Diggs, a equipe anotou outro TD (24×10).

Com grande desvantagem e apenas um quarto por jogar, os Colts precisavam de campanhas rápidas e eficientes. E devidamente, foi isso que Rivers fez, dando um novo nível de emoção ao encontro. Após belas corridas de Nyheim Hynes e Jonathan Taylor, o experiente QB encontrou Zach Pascal na ‘terra prometida’, colocando Indy novamente no jogo. No entanto, a equipe visitante falhou na conversão de dois pontos. Logo depois, um FG de Bass aumentou novamente a vantagem dos Bills (27×16).

Então chegaram os momentos finais do grande jogo, e que final tivemos! Rapidamente, com duas jogadas explosivas, os Colts anotaram outro TD. Desta vez a conexão de Rivers foi com o TE Jack Doyle, tanto nos seis pontos como na conversão de dois pontos. Assim, apenas um field goal separava as equipes.

Com a última posse do jogo em mãos, Indianapolis até avançou, chegando até o meio campo. Porém, um FG seria completamente impossível nessa situação, então no último lance do jogo, Philip Rivers lançou a bola pra cima e rezou…sem sucesso! A Hail Mary incompleta sacramentou o triunfo de Buffalo e a eliminação de Indianapolis. Placar final, Bills 27, Colts 24.

Comentários